Cetesb investiga mancha em rio de cidades afetadas pela chuva em São Paulo

Por Agência Brasil |

compartilhe

Tamanho do texto

Temporal deixou dez mortos desde domingo. Cerca de 332 pessoas estão desalojadas e nove estão desabrigadas

Agência Brasil

Três equipes da Companhia Ambiental do Estado de São Paulo (Cetesb) estão na região do Vale do Ribeira monitorando uma mancha que apareceu no Rio Ribeira de Iguape e que vai da cidade de Iporanga até o município de Registro.

Conheça a home do Último Segundo

Divulgação/Governo do Estado de São Paulo
Estragos provocados pela chuva em Itaóca

A mancha apareceu após o temporal que atingiu a região e deixou dez mortos, vários desaparecidos, 332 pessoas desalojados e nove desabrigadas na cidade de Itaóca.

Mais: Sobe para dez número de mortos pela chuva no interior de São Paulo

Segundo a Cetesb, foi descartada a hipótese de que a mancha fosse proveniente de vazamento de óleo. A mancha, informou a companhia, é de um material semelhante a um talco, “sobrenadante, denso e com granulometria variável”.

A Cetesb instalou barreiras em um dos pontos de captação de água da cidade de Iporanga e fizeram coletas de água na cidade.

Leia tudo sobre: chuvamortesitaócariomanchacetesb

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas