Estacionamentos devem reservar vagas exclusivas para gestantes na cidade de SP

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Multa é de R$ 500 por dia para quem não cumprir regra, que vale também para pessoas com crianças de até 2 anos

Shopping centers, centros comerciais e hipermercados devem reservar vagas de estacionamento exclusivas para gestantes ou pessoas acompanhadas por crianças de colo de até dois anos. É o que determina a lei 15.753, regulamentada pelo prefeito Fernando Haddad na terça-feira (31).

Conheça a home do Último Segundo

Haddad regulamenta lei que proíbe som alto nas ruas

Estacionamentos com mais de dez e até 250 vagas devem reservar ao menos uma exclusiva para gestantes. Estabelecimentos com capacidade para mais de 250 e até 500 carros devem reservar, no mínimo, duas vagas. A proporção segue até estabelecimentos com mais de 1 mil vagas, onde serão cinco espaços exclusivos, além de mais um a cada 250 pontos de estacionamento.

Os espaços devem ser marcados de forma distinta das outras preferenciais, como idoso e pessoa com deficiência ou mobilidade reduzida para evitar que os motorista se confundam. A pintura deve ser branca, em fundo azul e a localização deve ser próxima às ruas, elevadores ou da entrada do prédio. Os estabelecimentos que não cumprirem a nova regra podem ser multados em R$ 500 por dia.

Leia tudo sobre: igsphaddadsão pauloestacionamentogestantegrávidasgravidezlei

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas