Categoria reivindica melhores condições de trabalho em ato na zona sul; avenida Morumbi chegou a ser interditada

Agentes militares interditaram a avenida Morumbi, altura da sede do governo do Estado
Marcos Bezerra/Futura Press
Agentes militares interditaram a avenida Morumbi, altura da sede do governo do Estado

Policias militares realizam nesta terça-feira um protesto em frente ao Palácio dos Bandeirantes, sede do governo paulista, no bairro do Morumbi, zona sul de São Paulo. Eles reivindicam melhores condições de trabalho, mudança no plano de carreira e reajuste salarial.

Manifestantes pintaram o rosto e colocaram nariz de palhaço
Marcos Bezerra/Futura Press
Manifestantes pintaram o rosto e colocaram nariz de palhaço

Pressão: Oficiais da PM criticam reajuste a delegados

Em estado de greve, Polícia Civil de São Paulo pressiona o governo Alckmin

Segundo o setor de Comunicação Social da Polícia Militar, cerca de 100 pessoas participam do protesto. A corporação informou que os manifestantes saíram em caminhada da praça Vinicius de Moraes e seguiram até a sede do governo paulista.

Participantes da manifestação chegaram a pintar o rosto e colocar nariz de palhaço. De acordo com a Companhia de Engenharia e Tráfego, os manifestantes também interditaram a avenida Morumbi, no sentido Marginal Pinheiros.

*com Agência Brasil

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.