Aluno de 12 anos explode bomba em sala de aula no interior de São Paulo

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Dois alunos ficaram feridos e foram levados para hospital. Polícia vai ouvir o aluno suspeito na companhia dos pais

Agência Estado

Um estudante de 12 anos explodiu uma bomba no interior da sala de aula da Escola Estadual Reverendo Ovídio Antônio de Souza, no bairro Nova Esperança, em Sorocaba, no final da tarde de segunda-feira (2). Dois alunos ficaram feridos e foram encaminhados para uma unidade pré-hospitalar municipal. Um deles corre o risco de ficar com lesão no ouvido.

De acordo com informações da Polícia Civil, o adolescente que lançou a bomba é aluno da escola, mas não estava em horário de aulas. Ele pulou o muro para ingressar na escola e, depois de lançar o explosivo, fugiu.

A explosão causou pânico e correria entre os alunos da sala, da 6ª série do ensino fundamental. Vários estudantes passaram mal e uma auxiliar de enfermagem prestou os primeiros socorros. O estudante que sofreu lesão no ouvido vai passar por nova avaliação. O outro aluno ferido teve uma lesão leve nos olhos e já recebeu alta. Os dois ainda vão passar por exame de corpo de delito.

A Polícia Civil registrou o caso como de agressão e lesão corporal. O artefato lançado na sala de aula pode ser uma bomba de fabricação caseira ou fogo de artifício de grande potência. A polícia vai ouvir o aluno suspeito na companhia dos pais, que também foram convocados para reuniões com o Conselho Escolar. De acordo com a Diretoria Regional de Ensino, o conselho vai decidir as medidas disciplinares com base no regimento escolar.

Leia tudo sobre: bombasorocabaescolasão paulo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas