Grupo levou dois sacos com esterco e jogou os dejetos no logotipo da emissora na região da av. Luís Carlos Berrini

Agência Estado

Polícia acompanha de perto o protesto
Gabriela Bilo/Futura Press
Polícia acompanha de perto o protesto

Um grupo de cerca de 150 manifestantes, segundo a Polícia Militar, se dirigiu para a sede da Rede Globo, na avenida Luís Carlos Berrini, na noite desta sexta-feira (30). No caminho eles picharam muros e fachadas com palavras de ordem contra a empresa de comunicação.

Leia também:
Funcionária da Receita é condenada por sumiço de processo contra Globo
MP no DF abre apuração sobre suspeita de sonegação da Rede Globo
Globo paga multa de R$ 274 milhões ao Fisco pela Copa de 2002

Apesar de garantirem o caráter pacífico do protesto, manifestantes começaram promover atos de depredação contra o logotipo da Rede Globo e a quebrar holofotes.

A polícia, que por enquanto acompanha de perto e sem intervir na manifestação, interditou uma das pistas da marginal Pinheiros para evitar acidentes.Os manifestantes levaram dois sacos com esterco e neste momento estão jogando os dejetos no logotipo da Rede Globo. A polícia acompanha de perto.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.