São Paulo quer comprar bloqueador de celular para todos os presídios do Estado

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Aparelhos cortam o sinal do celular, impedindo que presos mantenham comunicação com pessoas fora da cadeia

Agência Estado

O governo do Estado de São Paulo pretende adquirir bloqueadores de celular para todas as penitenciárias de São Paulo. O primeiro edital para aquisição dos equipamentos será lançado dia 15, segundo o governador Geraldo Alckmin (PSDB).

Leia também:
Rebelião em presídio de SP chega ao fim após 22 horas
Governo de São Paulo vai construir presídio na Castelo Branco

Agência Brasil
Primeiro edital para aquisição dos equipamentos será lançado dia 15

"Chegamos a uma boa tecnologia para bloqueadores. Dia 15 sai o primeiro edital. Selecionamos as penitenciárias mais importantes (para este edital), mas a ideia é, depois, levar os bloqueadores para todas as penitenciárias", disse.

Os aparelhos que o governo planeja comprar cortam o sinal do celular, impedindo que presos mantenham comunicação com outras pessoas, que estão fora das cadeias.

Mesmo que o Estado não tenha aparelhos instalados em todos os presídios, Alckmin afirma que a polícia e a Secretaria de Administração Penitenciária têm trabalhado para aumentar as apreensões. "Estamos fazendo apreensão recorde de celulares nas penitenciárias. É um esforço 24 horas para retirar os aparelhos."

Leia tudo sobre: GERALpresídiocadeiacelularbloqueador de celular

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas