Pontífice viajaria de helicóptero, mas organizadores decidiram usar avião com destino a São José dos Campos

Agência Brasil

Milhares de pessoas passaram a noite sem dormir em Aparecida, no interior paulista, à espera do papa Francisco que chega nesta manhã para celebrar missa na Basílica do Santuário Nacional de Nossa Senhora Aparecida, na segunda visita ao local, a primeira na condição de pontífice.

Veja mais: Saiba tudo sobre a Jornada Mundial da Juventude
Multidão de fiéis enfrenta chuva e frio na abertura da JMJ em Copacabana
Veja os locais por onde irá passar o papa Francisco em Aparecida


Às 4h30, não havia mais vaga nos estacionamentos. A entrada de carros e ônibus foi controlada para que a quantidade ficassem em pouco mais de 2 mil.

O movimento de romeiros começou a aumentar às 21h de ontem (23), quando já era muito grande o número de peregrinos na fila para pegar a senha de acesso ao interior da Basílica de Nossa Senhora Aparecida. A distribuição de senhas começou às 5h.

Mesmo sob o frio e a chuva que duraram toda a madrugada, fiéis de várias idades entre os quais muitos idosos permaneceram na fila. Alguns improvisaram barracas com plásticos outros vieram prevenidos com barracas de acampamento, capa de chuva, casacos, forros e até cobertores enrolados no corpo.

No 1º dia, papa quebra protocolo, fica preso no trânsito e fala em português
No 2º dia, Francisco reza missa, toma sorvete e come pão de queijo
Pequena paróquia da Rocinha vira ponto turístico para peregrinos da JMJ

Além dos fiéis na fila, uma multidão já ocupa a praça em frente à Basílica para acompanhar a chegada do santo padre e a cerimônia por meio de telões. Pela programação oficial, o pontífice deveria chegar às 9h30, mas pode haver um atraso de meia hora em razão da mudança no esquema da viagem do Rio até Aparecida.

O santo padre viria de helicóptero, mas com o tempo chuvoso os organizadores decidiram usar um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) com desembarque previsto na cidade vizinha, em São José dos Campos, de onde o trajeto poderá ser finalizado de helicóptero ou de carro. Vai depender das condições do tempo.

A missa deve ser celebrada às 10h30 e, ao término, o papa Francisco irá até a Tribuna Bento XVI, que fica na parte de fora da Basílica, para dar a bênção aos devotos. Às 12h30, ele deixa o Santuário Nacional em direção ao Seminário Bom Jesus, percorrendo as ruas da cidade no papamóvel.

Às 15h30, ele retorna à Basílica de papamóvel, encerrando a visita por volta das 16h. Esta é a terceira visita de um papa a Aparecida. João Paulo II esteve neste local, em 1980 e Bento XVI, em 2007. Nesse mesmo ano, o cardeal Jorge Mário Bergoglio, hoje papa Francisco, participou em Aparecida da 5ª Conferência Episcopal Latino-Americana.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.