Sete policiais civis são presos em operação conjunta em São Paulo

Por Renan Truffi - iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Número de mandados de prisão deve chegar a 30. Entre os presos está o supervisor de investigações do Denarc de SP

Pelo menos sete policiais, entre eles dois delegados, foram presos durante operação da Secretaria de Segurança Pública e do Ministério Público de São Paulo para desarticular um grupo de policiais civis que é acusado de roubo, corrupção e extorsão mediante sequestro. O número de mandados de prisão deve chegar a 30.

iG Paulista: Operação desmantela quadrilha de policiais

Érica Dezonne/AAN
Sede da Delegacia de Narcóticos de São Paulo (Denarc)

Um dos delegados detidos é o supervisor da unidade de investigações do Departamento Estadual de Investigações sobre Narcóticos (Denarc), Clemente Castilhone Junior. Segundo seu advogado, João Batista Augusto Filho, não foi informado o motivo da prisão.

Promotores realizaram, por cerca de quatro horas, buscas dentro da sede do Denarc, um dos mais importantes departamentos da Polícia Civil de São Paulo. Na saída, o promotor Amauri Silveira Filho, do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) de Campinas, informou que haverá uma segunda etapa da operação em São Paulo, em Campinas e em uma terceira cidade não divulgada.

As investigações foram feitas pelo Gaeco de São Paulo e de Campinas. Os detidos foram encaminhados à Corregedoria da Polícia Civil.

*Com AE

Leia tudo sobre: operação policialpolicia civilpoliciais presoscrimedenarcigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas