Manifestações fecham avenidas em São Paulo

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Protestos contra o pastor Marco Feliciano e por melhorias na saúde fecharam importantes vias da capital paulista

Dois grupos de manifestantes protestaram na região central de São Paulo, no iníco da noite desta quarta-feira (26), e bloquearam trechos da avenida Paulista e da rua da Consolação. As duas avenidas já foram liberadas

Brasília: Manifestantes se reúnem em frente ao Congresso Nacional
BH: Manifestantes voltam às ruas e têm novo confronto com a PM

Alice Vergueiro/Futura Press
Manifestantes se reúnem em protesto contra o deputado Marco Feliciano, nesta quarta-feira, em São Paulo.

Cerca de 300 manifestantes protestaram contra o deputado e presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal, Marco Feliciano (PSC-SP) e o projeto da cura gay. Eles saíram na da praça do Ciclista, na avenida Paulista, e marcham pela em direção à sede do PSC, na região do Ibirapuera. Após deixar a avenida Paulista, eles percorrem a avenida Brigadeiro Luís Antônio.

Além da manifestação contra Feliciano, cerca de 100 profissionais da saúde participaram de uma passeata na rua da Consolação, no sentido bairro, por melhorias na saúde e no Sistema Único de Saúde (SUS). Essa avenida também já foi liberada.


compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas