Manifestação termina com cena melancólica na avenida Paulista

Por Ricardo Galhardo , iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Ciclista retira grades e destroços da manifestação e é vaiado por outros manifestantes: "Vai limpar lá na minha quebrada". Assista ao vídeo

O 6º protesto pelo passe livre terminou na esquina da avenida Paulista com a rua da Consolação em uma cena melancólica. Enquanto um ciclista de capacete prateado retirava voluntariamente grades e outros destroços da manifestação no túnel que passa embaixo da avenida, duas dezenas de manifestantes vaiavam e ironizavam o gesto de suposta submissão.

“Você paga imposto para a prefeitura fazer isso seu otário”, gritou um rapaz.

“Vai limpar lá na minha quebrada que tem um monte de coisa pra você fazer”, disse outro.

“Tá parecendo o meu pai enriquecido de urânio”, caçoou uma garota em referência ao capacete prateado do ciclista.

Veja a cena do ciclista limpando a via enquanto é vaiado por manifestantes:


6º protesto: Manifestação em São Paulo se divide entre passeata pacífica e atos de vandalismo
Vandalismo:
‘Entraram mais de 200 pessoas’, diz segurança de loja saqueada em SP
Vídeo exclusivo:
Manifestantes ateiam fogo em veículo de emissora de TV em São Paulo 

Alguns atiravam garrafas e latas de cerveja entre palavrões. Era 1h30 de quarta-feira a maioria da plateia era formada por remanescentes do grupo que promoveu depredações e saques na subida da rua Augusta, atraindo perigosamente a Tropa de Choque para a Paulista, onde dezenas de milhares de pessoas protestavam pacificamente.

O ciclista de capacete prateado, que não quis dizer o nome, é um homem de aparência simples, aproximadamente 40 anos, quase obeso, um dos vários que aproveitam o início da madrugada para pedalar em paz pela avenida.

Veja fotos do 6º dia de protestos:

Policiais em frente a Prefeitura de São Paulo durante protesto contra o aumento das passagens em São Paulo . Foto: Futura PressFotos internas da Prefeitura de São Paulo, após tentativa de invasão. Foto: Paulo Pinto/SecomFotos internas da Prefeitura de São Paulo, após tentativa de invasão. Foto: Paulo Pinto/SecomFotos internas da Prefeitura de São Paulo, após tentativa de invasão. Foto: Paulo Pinto/SecomManifestantes em frente ao carro incendiado da Rede Record. Foto: Futura PressManifestantes saqueiam e depredam agência do Banco Itaú. Foto: Futura PressManifestantes saqueiam e depredam agência do Banco Itaú. Foto: Futura PressManifestantes saqueiam e depredam agência do Banco Itaú. Foto: APBombeiros apagam incêndio provocado por ataque a um dos carros da Rede Record. Foto: APCarro da Rede Record é incendiado por alguns dos manifestantes. Foto: APPoliciais tentam se proteger e se abrigam na Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestante depreda cabine da Polícia Militar. Foto: Futura PressManifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: APManifestantes queimam as bandeiras da cidade e do Estado de São Paulo. Foto: APEnquanto alguns manifestantes pedem paz, outros tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Renan Tuffi/iG São PauloManifestantes seguem para a Av. Paulista. Foto: Futura PressManifestantes, que são contra as ações violentas de alguns grupos, tentam estender bandeira branca para mostra que o protesto é pacífico . Foto: Futura PressManifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes colocam fogo em carro gerador de imagens da Rede Record e atacam posto policial. Foto: Renan Tuffi/iG São PauloManifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressPolícia tenta se proteger na entrada da Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes permanecem na região da Prefeitura de São Paulo. Foto: Renan Tuffi/iG São PauloHomem passa mal e é atendido na calçada. Foto: Renan Tuffi/iG São PauloManifestantes em frente à Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes em frente à Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes em frente à Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressAlguns manifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressAlguns manifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressAlguns manifestantes tentam invadir a Prefeitura de São Paulo. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressEstação de Metrô Sé é tomada pelos manifestantes. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Renan TruffiManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Renan Tuffi/iG São PauloManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Renan TruffiManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura PressManifestantes se reúnem na Praça da Sé, em São Paulo, para o sexto dia de protestos contra o aumento da tarifa do transporte público. Foto: Futura Press


Ele viu o risco de acidentes provocado pelo entulho na pista do túnel, encostou a bicicleta e foi sozinho, em silêncio, desobstruir a via. Depois de algum tempo um punk e uma moça foram ajudá-lo. Outra moça aplaudia o gesto solitariamente da plateia.

Além das grades e cavaletes, uma enorme mão amarela fazendo o gesto de “número um” obstruía a pista. Era o resto de um painel da Coca Cola em referência a Copa de 2014 depredado e incendiado cerca de meia hora antes. Um segurança contratado para proteger o “monumento” foi agredido com um caco de vidro no rosto.

Votos e vídeos: Veja imagens do sexto dia de protesto em São Paulo
Mudança de postura: Tom amistoso de Haddad surpreende Movimento Passe Livre
Tarifa: Após onda de protestos, oito cidades reduzem o valor do transporte público

O ato provocou a prisão de nove manifestantes. Entre eles Kaike Arteiro, 19 anos, morador da Vila Sonia. Com o rosto ensanguentado, segundo ele por um golpe de cassetete da PM e conforme a PM por um tombo, Kaike foi levado para o 1º DP enquanto seu irmão Rafael, 16 anos, chorava ao lado do camburão sem saber o que fazer.

“Viemos só nós dois. Não sei como vou voltar para casa”, dizia Rafael.

Pouco antes, alguns dos que formavam a plateia do ciclista protagonizaram outra cena deprimente. Eles apedrejaram dois carros do Corpo de Bombeiros que molharam alguns manifestantes quando tentavam apagar o incêndio no “monumento” da Coca Cola.

Assista ao vídeo do jovem preso com o rosto ensanguentado: 



Leia tudo sobre: igspmanifestaçãomplmovimento passe livreav. paulista

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas