Idosa bate em ladrão 44 anos mais jovem e evita roubo no interior de São Paulo

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo a polícia, mulher de 71 anos deu dois tapas no rosto e um chute no meio das pernas do ladrão, de 27, que caiu gemendo. Homem foi preso e reconhecido pela vítima

Agência Estado

Uma idosa de 71 anos reagiu a um assalto, deu tapas e chute no ladrão e evitou que ele lhe roubasse a carteira e as sacolas de compras que trazia do supermercado, em São José do Rio Preto (SP), nesta segunda-feira (15).

Vídeo: Idosa corre atrás de ladrão em São Paulo
Idosa é presa após cultivo de 43 pés de maconha na laje de casa

De acordo com a polícia, a aposentada, M. F. J., moradora no Parque Estoril, voltava do supermercado quando encontrou com uma amiga e parou para conversar. Como as sacolas estavam pesadas, a idosa as colocou no chão. Foi quando percebeu que um rapaz se aproveitou da distração para tentar lhe roubar.

Foi neste momento que ela reagiu. A aposentada deu dois tapas no rosto e um chute no meio das pernas do ladrão, que caiu, gemendo. Uma amiga, que passava de carro no momento do roubo, deu carona para M., enquanto o ladrão, deitado no chão, se contorcia de dor.

Chamada, a PM localizou, a poucas quadras do local, o servente de pedreiro Paulo Henrique Pedrunti da Silva, de 27 anos, reconhecido pela aposentada como autor da tentativa de roubo. Antes de ser detido, Silva já tinha agredido outro homem, que ao ver a cena com a aposentada, tentou defendê-la.

O servente foi preso em flagrante por tentativa de roubo e lesões corporais. Segundo a polícia, ele já tinha passagens por homicídio, roubo e formação de quadrilha e é suspeito de ter assaltado e agredido uma idosa, de 93 anos, que foi encontrada desacordada em casa e está internada na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Base (HB).

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas