Mulher confessa que matou filha de quatro anos em São Paulo

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Segundo a Polícia Civil, a mãe tentou asfixiar a criança com um travesseiro, sem êxito. Depois, encheu uma pia de água, onde afogou a filha

Agência Estado

Uma criança de quatro anos foi encontrada morta perto das 8h30 da manhã do último domingo (15) na Rua Sebastião Festa, número 46, no Jardim Elisa Maria, em São Paulo. Segundo a Polícia Civil, a mãe, Denise Oliveira de Andrade, 29, confessou que matou a filha por volta das 7h. O flagrante por homicídio doloso foi registrado no 72º DP, na Vila Penteado, e Denise Andrade foi encaminhada para o 89ª delegacia, no Portal do Morumbi.

Segundo a Polícia Civil, a mãe tentou asfixiar a criança com um travesseiro, sem êxito. Depois, encheu uma pia de água, onde afogou a menor. Duas unidades do Samu foram chamadas para socorrer a vítima. A PM foi notificada às 8h35 para atender uma ocorrência de desentendimento na região. Os policiais falaram com a família, que confirmou o caso, e encontraram a mãe sentada na cama, no primeiro andar da casa, onde Denise Oliveira confessou. A criança faria cinco anos em maio.

Leia tudo sobre: assassinatofilicídioigspviolência

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas