Obras nas estradas devem complicar viagem para o litoral no feriado

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Ações para conter mais quedas de barreiras nas rodovias Mogi-Bertioga (SP-098) e Rio Santos (SP-055) podem dificultar o trânsito para os motoristas na Páscoa

As intervenções feitas nas estradas do litoral paulista por causa das chuvas podem atrapalhar o trajeto dos motoristas que pretendem passar o feriado na praia. Na última semana, as rodovias Rio-Santos e Mogi-Bertioga registraram deslizamentos em razão do forte temporal que atingiu a região. Além disso, dois dos principais caminhos utilizados para chegar à Baixada estão em duplicação.

Mais: Cerca de 1,7 milhão de veículos devem deixar São Paulo no feriado de Páscoa

Jonny Ueda/Futura Press
Mogi-Bertioga passa por obras entre os km 79,6 e km 85,4

Mais do feriado de Páscoa:
Veja o que funciona no feriado de Páscoa
Tempo fechado e temperatura amena na maior parte do País
Veja o que abre e fecha em São Paulo no feriado
Obras devem complicar viagem para o litoral de São Paulo
Veja o que abre e fecha no Rio de Janeiro no feriado
Veja o que abre e fecha em Belo Horizonte no feriado
Veja o que abre e fecha em Porto Alegre no feriado
Veja o que abre e fecha em Salvador no feriado

Na Rodovia Rio Santos (SP-055), por exemplo, uma obra de recuperação da pista do trecho entre Maresias e Boiçucanga, do km 156,5 ao km 162, começou na terça (26). Para tentar evitar congestionamentos, o Departamento de Estradas de Rodagem (DER) diz que vai manter a obra em funcionamento apenas nos períodos de menor fluxo. No entanto, não há um horário pré-definido para que isso aconteça. As intervenções “serão paralisadas imediatamente em que os veículos de inspeção do DER constatarem aumento de tráfego”, diz o órgão.

Leia mais: Trecho da Rio-Santos é interditado parcialmente por causa das chuvas

O mesmo vale para a Mogi-Bertioga (SP-098), que também passa por contenção de encostas entre os km 79,6 e km 85,4. Na Rodovia Tamaios, no entanto, o problema será as intervenções feitas para a duplicação da via, que acontecem entre os km 11,5 e km 60,48. Em função disso, a estrada está com “capacidade de tráfego abaixo do normal”. Segundo o Desenvolvimento Rodoviário S/A (DERSA), “A faixa auxiliar foi transformada em acostamento e a velocidade máxima reduzida de 80 km/h para 60 km/h”. A orientação é manter atenção redobrada nos trechos de afunilamento da pista, que acontecem entre São José dos Campos e Paraibuna.

Ainda assim, a expectativa é que 154.804 veículos passem pela Rodovia dos Tamoios durante a Operação Páscoa. Por isso, a DERSA recomenda evitar a via das 12h à 0h de quinta-feira (28) e das 6h às 14h da sexta-feira (29). Na volta, os piores horários para pegar a estrada serão das 8h de domingo (31) às 2h de segunda-feira (1°) e das 7h às 12h também de segunda-feira (1°).

A Rodovia dos Imigrantes também terá parte de uma faixa interditada para alargamento da pista. As obras começaram em janeiro e agora estão concentradas na altura do km 33. As outras intervenções serão interrompidas por causa do feriado. Como são esperados entre 250 e 340 mil veículos, o Sistema Anchieta-Imigrantes, que dá acesso à Baixada Santista, vai operar no sistema 7x3, ou seja, as duas pistas da Anchieta e nova pista da Imigrantes abertas no sentido litoral.

Mais: São Sebastião vai pedir ajuda ao Estado para atender desabrigados pelas chuvas  

Nas Rodovias Carvalho Pinto e Ayrton Senna haverá apenas uma obra que permanecerá em funcionamento durante o feriado. No entanto, a Ecopistas explica que a intervenção será apenas no sentido contrário das vias. A concessionária estima que 200 mil veículos vão utilizar as duas estradas no feriado.

Já as obras nas rodovias Manoel Hypólito do Rego (SP 055), Padre Manoel da Nóbrega (SP 055), Oswaldo Cruz (SP125), Floriano Rodrigues Pinheiro (SP 123) e Raposo Tavares (SP 270) serão todas interrompidas. Ainda de acordo com o DER, nas rodovias estaduais de acesso ao litoral é esperado movimento de 617.605 mil veículos durante o feriado (considerando a Rodovia dos Tamoios).

Leia tudo sobre: igspsão paulolitoralestradasrodoviasferiadoPáscoalitoral nortetrânsito

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas