Com pane nos trens e alagamentos, SP tem primeira sexta-feira de caos no ano

Por iG São Paulo | - Atualizada às

compartilhe

Tamanho do texto

Chuva forte atingiu praticamente toda a capital paulista nesta tarde. Na zona sul, um raio paralisou a Linha 9-Esmeralda por quase 2 horas. Alagamento bloqueou a Radial Leste

A chuva que atinge a região metropolitana de São Paulo nesta sexta-feira (01) atrapalha a volta para casa dos paulistanos. Além de ter vários pontos de alagamento, a cidade enfrentou a paralisação da Linha 9-Esmeralda (Osasco - Grajaú) da CPTM por quase duas horas. A empresa informou que um raio que atingiu a rede elétrica, por volta da 16h, interrompeu a circulação entre Pinheiros ao Grajaú. O retorno dos trens foi normalização, mas as estações da linha focaram lotadas.

Acompanhe o trânsito em São Paulo
Veja a previsão do tempo para a sua cidade

Edno Luan/Futura Press
Passageiros esperam trem em estação da Linha 9 da CPTM, nesta sexta-feira


Segunda a CPTM, a descarga elétrica que paralisou a linha ocorreu na região de Santo Amaro, na zona sul, e danificou o sistema de alimentação da sinalização. Após ser retomada, a circulação ficou mais lenta, por conta da chuva que persistia na região.

Transbordamento e trânsito

Durante a tarde, a subprefeitura de Campo Limpo ficou em alerta em consequência do transbordamento do córrego Morro do S, na altura da rua Joaquim Nunes Teixeira. Segundo a Defesa Civil municipal, uma casa desabou na rua Ernecina Terraciano Siebel, em Cidade Ademar, na zona sul, mas ninguém ficou ferido. A cidade registrou pelo menos doze pontos de alagamento. O mais importante deles bloqueou a Radial Leste, na altura do Viaduto Guadalajara, nos dois sentidos.

De acordo com a CET, às 20h, a cidade tinha 133 quilômetros de lentidão, índice acima da média para o horário. Os pontos de maior lentidão estão na Marginal Pinheiros, sentido Castello Branco, pista local, da ponte do Morumbi até a ponte do Jaguaré (10,1 km); na Marginal Pinheiros, sentido Castello Branco, pista expressa, da ponte do Morumbi até a ponte do Jaguaré (10,1 km); na Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, pista expressa, da ponte do Piqueri até a rua Azurita (9,3 km); e na Marginal Tietê, sentido Ayrton Senna, pista local, da ponte Atílio Fontana até a ponte da Casa Verde (7,9 km).

Mais: Motoboys realizam protestos pelas ruas de São Paulo contra nova fiscalização

Chuva

Segundo o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE), após atingirem com intensidade praticamente todas as regiões da cidade, as chuvas diminuíram no início da noite, restando apenas nebulosidade. Durante a madrugada, a temperatura mínima atinge os 20ºC.

Fabio Martins/Futura Press
Chuva na zona norte de São Paulo, na tarde desta sexta-feira


Fim de semana

O tempo abafado e a aproximação de uma frente fria aumentam as condições de chuva no sábado (02). Entre a tarde e noite, as precipitações acontecem de forma mais generalizada e com potencial para rajadas de vento, descargas elétricas e formação de alagamentos. Os termômetros oscilam entre 21ºC e 28ºC.

No domingo (03), a propagação do sistema frontal sobre o leste paulista deixa o tempo fechado e chuvoso. Ao longo do dia, a continuidade das chuvas e os acumulados significativos elevam o potencial para formação de alagamentos e deslizamentos de terra. Mínima de 20ºC e máxima de 26ºC.

Leia tudo sobre: chuvaestado de atençãoenchenteigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas