Número de vítimas de homicídios em São Paulo aumenta 40% em 2012

Por iG São Paulo |

compartilhe

Tamanho do texto

Onda de violência na capital impacta estatística no Estado, que teve aumento de 15% no número de assassinatos

Em 2012, a capital paulista teve um aumento de 39,8% no número pessoas assassinadas. Segundo balanço divulgado na noite desta sexta-feira pela Secretaria de Estado de Segurança Pública de São Paulo (SSP-SP), foram 1.497 vítimas de homicídio em todo o ano passado contra 1.069 durante 2011.

Leia também: PM de SP mata um a cada 16 horas, mais do que em 2006

Ao longo do ano passado a cidade de São Paulo viveu uma onda de violência marcada pelo assassinato de policias e chacinas nas periferias. Foram diversos ataques de homens encapuzados que disparavam contra pessoas em bares ou nas ruas. Os crimes com grande número de mortes são notados nas estatísticas que apontam para 1.368 casos de assassinato em 2012, enquanto o número de vítimas é 9% maior. Em 2011, com 1.019 casos de homicídio, a diferença era 5%.

Entrevista: "O PCC será derrotado", diz ministro da Justiça

Os dados da capital impactaram a estatísticas da criminalidade no Estado, que teve crescimento de 15% no número de homicídios. Em 2012, foram registrados 4.833 casos ante 4.194 crimes em 2011.

*Com informações da Agência Estado e Agência Brasil

Leia tudo sobre: homicídiosigspviolênciasão paulo

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas