Governo de São Paulo anuncia criação de estação no Bom Retiro contra lotação

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Novo ponto de conexão de ramais ferroviários reduziria lotação da Estação Luz, também no centro de São Paulo. Construção deve começar entre julho e julho de 2014

Agência Estado

Agência Estado

Com o objetivo de reduzir a superlotação na Estação da Luz, a Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM) planeja criar um "hub" - ponto de conexão de ramais ferroviários - no centro de São Paulo. Será a futura Estação Bom Retiro, prevista para ocupar o terreno da Favela do Moinho. Pelo menos três linhas poderão atendê-la: a 7-Rubi (Luz-Francisco Morato), a 8-Diamante (Júlio Prestes-Itapevi) e a 10-Turquesa (Brás-Rio Grande da Serra).

Mais: SP terá nova tarifa de ônibus no primeiro semestre, diz Haddad

AE
Movimentação de passageiros na Estação Luz, da CPTM, no centro de São Paulo (arquivo)

Segundo Mário Bandeira, presidente da empresa, que é controlada pelo governo do Estado, os projetos básico e executivo da obra já foram contratados. Ele diz que a expectativa é de que a construção comece "entre junho e julho" do ano que vem. Previsão inicial indicava que ela poderia terminar em 2015. "Será uma estação muito grande, que vai ter muitas interferências (no entorno). Ela será importante porque vai ajudar a distribuir os novos eixos daquela região."

Atualmente, a Estação da Luz é o único acesso central das Linhas 7 e 8, além de duas do Metrô - a 1-Azul e a 4-Amarela. Com isso, a superlotação é comum nos horários de maior movimento, levando desconforto para os usuários que precisam fazer baldeação de um sistema para o outro. Eles são obrigados a enfrentar filas longas e demoradas entre cada plataforma, especialmente no rush vespertino. Pela estação, passam, em média, 150 mil passageiros por dia útil.

A área onde ficará a estação está dentro do perímetro da Operação Urbana Lapa-Brás da Prefeitura, que poderá, no futuro, levar ao enterramento das linhas de trem e das estações da região. As informações são do jornal O Estado de S.Paulo .

Leia tudo sobre: cptmestação luztremsuperlotaçãotransporte públicoigsp

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas