Vendaval e chuva derrubam árvores em Campinas

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Arquiteta de 42 anos teve ferimentos leves após uma árvore cair em cima de seu carro, próximo da Lagoa do Taquaral, um dos principais pontos turísticos e de lazer da cidade

Agência Estado

Agência Estado

Uma pancada de chuva com um vendaval de até 50 km/h derrubaram pelo menos cinco árvores na tarde desta quarta-feira em Campinas (SP). Em uma das ocorrências, uma arquiteta de 42 anos teve ferimentos leves, após a árvore cair em cima de seu carro, próximo da Lagoa do Taquaral, um dos principais pontos turísticos e de lazer da cidade. O Corpo de Bombeiros socorreu a vítima, que passa bem.

Leia também:
São Paulo enfrenta fortes chuvas nesta quarta-feira
Barragem estoura e interdita rodovia Marechal Rondon

Segundo a família, a vítima saía de casa no momento da queda. O tronco da árvore danificou ao teto do veículo e feriu a arquiteta na cabeça. O diretor regional da Defesa Civil, Sidnei Furtado, alerta para os riscos de queda de árvores, muros e deslizamentos de terras. "O acumulado de chuva deixa o solo saturado e o vento aumenta o risco de ocorrências."

O Centro de Pesquisas Meteorológicas e Climáticas Aplicadas à Agricultura (Cepagri), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), registrou ventos de até 50,2 km/h durante a tarde. No início da semana, sete cidades entraram em estado de atenção na região de Campinas por causa das chuvas que começaram a atingir a localidade em maior intensidade no último final de semana.

Nesta quarta, apenas Valinhos permanecia em estado de atenção por causa do alto volume de chuvas e riscos de desabamento e deslizamentos de terras. Em Capivari, uma das cidades mais afetadas no final de semana, 15 famílias permaneciam desalojadas e 3 desabrigadas por causa da cheia do rio. O Rio Capivari, que em média tem 80 centímetros na altura em que corta da cidade, atingiu 2,70 metros no domingo.

Leia tudo sobre: chuvavendavalcampinas

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas