Maquiador diz ter sido espancado em balada gay de São Paulo

Por Agência Estado |

compartilhe

Tamanho do texto

Guilherme Nutti, de 28 anos, disse ter sido agredido por funcionário da balada Lab Club, na região da Augusta; confusão teria começado após uma discussão no bar

Agência Estado

Agência Estado

Reprodução
O maquiador Guilherme Nutti compartilhou uma foto na rede social após a suposta agressão

Dois atendentes da casa noturna Lab Club, na rua Augusta, no centro da capital, são acusados de agredir um cliente com ofensas homofóbicas. A ocorrência, na madrugada de sábado (12), teria incluído socos e pontapés, levando a vítima, o maquiador Guilherme Nutti, de 28 anos, a ficar com ferimentos.

Mais: 'Eu não quero ter que apanhar outra vez', protesta estudante gay agredido em SP

No Rio: Modelo diz ter sido espancado por segurança no Barra Music

O caso foi registrado no 4.º Distrito Policial, da Consolação, como lesão corporal dolosa - ou seja, com intenção. Segundo Nutti, os ataques começaram depois de uma reclamação sobre um copo de vodka recebido do bartender, que teria vindo com menos volume do que o da dose convencional.

Frequentador do Lab Club, o maquiador diz que nunca havia sofrido nenhum tipo de preconceito no local. Também afirmou não conhecer os bartenders que o agrediram. Sobre o que pode ter motivado o funcionário a destratá-lo, Nutti suspeita de intolerância. "Era nítido que ele estava com ódio de atender o público gay", acredita.

Relembre: Estudante da USP é espancado e denuncia homofobia em São Paulo

Em nota divulgada ontem, o estabelecimento informa ter prestado "imediatamente" os primeiros atendimentos à vítima. Depois, um dos sócios da casa noturna "que estava presente no local no momento do incidente levou" Nutti para o Hospital Beneficência Portuguesa, "prestando todo tipo de auxílio necessário".

A administração do estabelecimento divulgou ainda que esta foi "a primeira vez que um incidente do tipo aconteceu no clube, que promove treinamentos periódico" a seus funcionários. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Leia tudo sobre: balada gayhomofobiaviolênciaguilherme nutti

compartilhe

Tamanho do texto

notícias relacionadas