Quatro pessoas são baleadas na região central de São Paulo

Uma das vítimas, que tem passagem na polícia por furto, levou dois tiros no tórax e está internado no Hospital da Santa Casa, em Santa Cecília

Agência Estado |

Agência Estado

Quatro pessoas foram feridas a tiros na noite desta terça-feira, na capital paulista. Todas na região central. A primeira delas é um homem ferido em via pública por desconhecidos, por volta das 20h30, na rua Glicério, na Baixada do Glicério. Mesmo atingido por vários tiros, ele conseguiu caminhar até o pronto-socorro da Glória, no bairro da Liberdade, onde pediu ajuda.

Leia também: Governador Geraldo Alckmin rebate críticas da Anistia Internacional

Futura Press
Duas pessoas foram baleadas na rua Eurípedes, no Centro de São Paulo. Não há informações sobre a motivação do crime

Uma hora e meia depois, mais duas pessoas foram baleadas; desta vez na altura do número 556 da rua Professor Eurípedes Simões de Paula, no Brás. Uma das vítimas foi atingida apenas de raspão; a outra, nas nádegas. Ambas foram medicadas no pronto-socorro Santana e não correm risco de morte.

O último caso ocorreu meia hora mais tarde, em frente a uma bar, na esquina da alameda Barros com a rua Barão de Tatuí, em Santa Cecília. Segundo a polícia, ocupantes de um Fox prata efetuaram quatro disparos contra um homem e fugiram em direção à rua Jaguaribe.

Veja também: Policial militar é baleado dentro de casa no litoral de São Paulo

Ferido por dois tiros no tórax, Carlos Alberto Silva, de 24 anos, conseguiu correr até a esquina com a rua Martim Francisco, antes de cair inconsciente. Silva, que tem passagens na polícia por furto, foi levado para o pronto-socorro da Santa Casa, onde permanecia internado.

PMs foram acionados, mas não conseguiram prender os autores dos disparos. O caso foi apresentado no 2º Distrito Policial, no bairro do Bom Retiro.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG