PM é morto a tiros e outro fica ferido durante assalto na Grande São Paulo

Funcionário da Corregedoria foi executado ao chegar em casa, em Guarulhos. Na região do Alphaville, outro PM foi baleado na perna durante invasão de bandidos a supermercado

iG São Paulo | - Atualizada às

O soldado Edgard Lavado, de 43 anos, que atuava na Corregedoria da Polícia Militar, foi morto, com um tiro no pescoço, por volta das 21h desta terça-feira (13), em Guarulhos, região leste da Grande São Paulo. À paisana e em uma moto, o policial foi surpreendido por homens armados no momento em que chegava à residência dele, localizada na rua Cararu, no Jardim Arapongas.

Leia mais sobre ataques à polícia em SP

Futura Press
PM foi alvo de vários disparos quando chegava em casa de moto, em Guarulhos

Segundo a polícia, testemunhas disseram que os atiradores, pelo menos três, estavam em um Ford Fiesta prata, cuja placa não foi anotada. Ferido por um tiro de revólver calibre 38, o soldado ainda foi levado por vizinhos para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) Jardim Alvorada, onde morreu.

O policial era casado e tinha quatro filhos. Nenhum suspeito foi detido. O caso foi registrado no 4º Distrito Policial de Guarulhos. Com a ocorrência, sobe para 92 o número de policiais mortos em todo o Estado.

Alphaville

Uma tentativa de roubo em um supermercado, por volta das 2h da madrugada, deixou um policial militar baleado no bairro de Alphaville, em Santana de Parnaíba, região oeste da Grande São Paulo. Informados sobre uma invasão à loja do supermercado Dia% localizada na avenida Marte, policiais militares da 2ª Companhia do 20º Batalhão foram até o local.

Segundo a PM, eram pelo menos 10 bandidos, alguns armados de fuzis e metralhadoras. Na fuga, ocupando vários veículos, entre eles um Jetta e um Corolla, o bando atirou contra as viaturas da PM, baleando nas pernas o soldado Almeida, que estava dentro do veículo quando foi atingido. O policial foi levado para o Hospital Geral de Itapevi e está fora de perigo.

Nem a Polícia Militar nem a Polícia Civil, até o final da madrugada, haviam informado se algo foi levado pelos bandidos. Os dados da ocorrência foram encaminhados para a Delegacia Central de Santana de Parnaíba.

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG