Veja o que muda no transporte coletivo e no trânsito em SP no domingo de eleição

CET fará mudanças no trânsito já neste sábado. No domingo, Metrô, trens e ônibus municipais trabalham em operação especial. Ciclofaixa de Lazer ficará fechada

iG São Paulo |

A capital paulista terá diversas mudanças no monitoramento do trânsito, nos transportes públicos  e na limpeza da cidade neste final de semana de eleições municipais. A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) fará uma operação especial de trânsito, no sábado (06) e domingo (07), monitorando o tráfego nos principais corredores da cidade.

Por conta das eleições, o monitoramento e operação de trânsito junto a zonas eleitorais será intensificado especialmente no domingo, das 7h às 18h. Veja abaixo as principais alterações na cidade:

Agência Estado
Domingo de eleições tem mudança no trânsito em São Paulo

- O elevado Costa e Silva será liberado ao tráfego para melhorar as condições de acessibilidade entre as zonas leste e oeste da cidade, no domingo, das 6h às 20h;
- No domingo, das 7h às 18h, serão realizadas reservas de vagas nas aproximações das ruas Maria Antônia, Piauí, Itambé, Dona Antônia de Queiróz e avenida Higienópolis, imediações da Universidade Mackenzie, Colégio Sion e Colégio Rio Branco (uma das maiores zonas eleitorais da cidade), bem como monitorado o trânsito destas vias e do entorno;
- Visando auxiliar a logística de distribuição e recebimento das urnas do 3º Cartório Eleitoral, a pista da esquerda da avenida Duque de Caxias, será bloqueada entre o Largo do Arouche e a avenida São João, no sábado, das 6h às 14h, e no domingo, das 6h às 20h ou até o término do retorno das urnas. Os veículos poderão continuar utilizando a pista da direita da avenida Duque de Caxias;
- No domingo, excepcionalmente, as ciclofaixas de lazer não irão funcionar;
- No domingo, será monitorada a região da avenida Paulista, no entorno dos locais de votação localizados nos colégios Dante Alighieri, São Luís e Rodrigues Alves.

 - O monitoramento e operação de trânsito será intensificado nos principais corredores da cidade e em todas as zonas eleitorais da cidade, como a avenida Paulista; rua da Consolação; avenida Brigadeiro Luís Antônio; avenida Rebouças; avenida Brigadeiro Faria Lima; avenida Nove de Julho; avenida Tiradentes; avenida do Estado; Ligação Leste Oeste e Elevado Costa e Silva; rua Teodoro Sampaio; rua Cardeal Arcoverde; avenida Doutor Arnaldo; avenida Francisco Matarazzo; rua Clélia; rua Guaicurus; avenida Edgar Facó; avenida Raimundo Pereria de Magalhães; avenida Roland Garros; avenida Leôncio de Magalhães; avenida Braz Leme; avenida Cruzeiro do Sul; avenida Luiz Dumont Villares; avenida Guilherme Cotching; avenida Maria Amália Lopes Azevedo; avenida Radial Leste; avenida Águia de Haia/Estrada do Imperador; avenida Aricanduva; avenida Celso Garcia; avenida São Miguel; avenida Marechal Tito; avenida Jacu Pêssego / Nova Trabalhadores; rua da Mooca; avenida Nova Radial (Avenida José Pinheiro Borges); avenida Paes de Barros; avenida Ragueb Choffi; avenida Pavão; rua do Gama; rua Chanés; rua Jandira; rua Chibarás; avenida Iraí; avenida Ricardo Jafet; rua Leais Paulistanos; avenida Juscelino Kubistchek; avenida 23 de Maio; avenida Rubem Berta; avenida Abraão de Moraes; via Anchieta (trecho urbano); estrada do Campo Limpo; estrada Guarapiranga; estrada do M´Boi Mirim; estrada de Itapecerica; estrada do Alvarenga/avenida Nossa Senhora do Sabará; avenida Professor Francisco Morato; avenida Corifeu de Azevedo Marques; avenida do Rio Pequeno; avenida Vereador José Diniz; avenida Santo Amaro; Marginal Tietê; Marginal Pinheiros; avenida dos Bandeirantes; avenida Salim Farah Maluf; avenida Professor Luís Ignácio de Anhaia Mello; rua das Juntas Provisórias; avenida Tancredo Neves; túnel Max Feffer; túnel Fernando Vieira de Mello; rua Vergueiro/Domingos de Moraes.

Metrô

Para facilitar a circulação pela cidade, o Metrô adotará estratégia especial na operação. O Centro de Controle Operacional manterá trens reservas nos pátios e em pontos estratégicos ao longo das linhas prontos para entrarem em circulação, em caso de aumento de demanda.

Veja como ficará a operação das linhas do Metrô:

- Linha 1-Azul (Jabaquara – Tucuruvi): 17 trens no pico da manhã; 18 trens no vale e 24 trens no pico da tarde (565 viagens programadas);
- Linha 2-Verde (Vila Prudente – Vila Madalena): 13 trens o dia todo (590 viagens programadas);
- Linha 3-Vermelha (Corinthians/Itaquera – Palmeiras/Barra Funda): 15 trens no pico da manhã; 17 trens no vale e 19 trens no pico da tarde (599 viagens programadas);
-Linha 5-Lilás (Largo Treze – Capão Redondo): 4 trens o dia todo (348 viagens programadas).

Ônibus

A SPTrans aumentará o número de linhas e a quantidade de ônibus em circulação neste domingo. As linhas de ônibus da cidade vão operar com a frota habitual do sábado, quantidade 40% maior do que o habitual aos domingos. Algumas linhas estarão operando com 100% da frota e outras vão manter 70% da frota durante todo o dia.

Bilhete Amigão
Os usuários do bilhete Único Comum poderão usufruir do benefício do Bilhete Amigão, que garante quatro integrações em ônibus, no período de oito horas, aos domingos e feriados, pagando somente uma tarifa. Para mais informações sobre itinerários de linhas de ônibus, ligue para 156 ou acesse www.sptrans.com.br .

Trens

Em razão das obras de modernização da infraestrutura, a operação de trens na CPTM será realizada com maior intervalo, nas linhas impactadas pelas obras, apenas no sábado. No domingo, as intervenção estão suspensas.  Confira a programação do sábado:

Linha 9 [Osasco - Grajaú]: das 20h até a meia-noite de sábado, os trens circularão com maior intervalo entre as estações Jurubatuba e Socorro, devido à intervenções no sistema de energia de alimentação dos trens .

Linha 10 [Brás - Rio Grande da Serra]: das 18h até a meia-noite de sábado, os trens não circularão entre as estações Prefeito Celso Daniel-Santo André e Mauá, devido a obras no viaduto Capuava. Como opção, os usuários poderão utilizar os ônibus que serão disponibilizados para completar a viagem.

Linha 11 [Guaianazes - Estudantes]: das 18h, até a meia-noite de sábado, serão realizadas intervenções no sistema de sinalização entre as estações Calmon Viana e Jundiapeba, ocasionando maior intervalo entre as composições.

Limpeza

Neste domingo, a Prefeitura de São Paulo terá cerca de 5.000 agentes de limpeza nas ruas com 250 equipamentos, entre caminhões coletores, pipas e varredeiras, com o objetivo limpar a cidade o mais rapidamente possível. Serão atendidos durante o dia todos os 1.920 locais paulistanos de votação. Os trabalhos serão divididos em três turnos, para que os trabalhadores da limpeza também possam exercer o seu direito de votar.

Tanto das 8h às 17h, horário da votação, quanto no período seguinte haverá homens e mulheres limpando a cidade. Rotineiramente o domingo de eleição registra um aumento de sujeira pela cidade, especialmente de papeis, os chamados “santinhos”, que podem entupir bueiros e bocas de lobo.


    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG