Após furto de cabo, linha da CPTM opera com velocidade reduzida

Linha 11-Coral, que liga estações Luz e Estudantes, teve funcionamento alterado após furto de cabo de semáforo; serviço foi alterado entre 4h e 9h

iG São Paulo | - Atualizada às

A Linha 11-Coral da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM), que liga a Luz à Estação Estudantes, operou com velocidade reduzida nesta segunda-feira desde o começo da operação, às 4h. Lentidão ocorreu até as 9h entre as estações Guaianazes e Estudantes, nos dois sentidos.

Trânsito: Carreta tomba e provoca lentidão na Marginal Pinheiros

Por causa do furto de um cabo na estação Ferraz de Vasconcelos, um semáforo da via havia deixado de funcionar e os trens estavam indo mais devagar nos dois sentidos para evitar acidentes. Com o cabo reposto, a sinalização foi restabelecida e a operação, normalizada, informou a CPTM.

As plataformas do ramal ficaram cheias como reflexo do problema. A Linha 12-Safira, que opera entre as estações Calmon Viana e Brás, é outra opção para quem sai da zona leste e precisa chegar no centro da cidade nesta manhã.

*com AE

    Leia tudo sobre: linha-11 corallinha-12 safirafurtocptm

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG