Motorista que atropelou sete corredores em São Paulo é solto

Motoboy vai responder em liberdade por ter atropelado sete corredores que participavam de uma competição no Parque do Ibirapuera, na zona sul, no domingo

Agência Estado |

Agência Estado

O motoboy Ricardo Gonçalves dos Santos, de 32 anos, ganhou liberdade provisória nesta quinta-feira (20) e vai responder em liberdade por ter atropelado sete corredores que participavam de uma competição no Parque do Ibirapuera , na zona sul, no domingo.

O caso:  Motorista que atropelou maratonistas será transferido em São Paulo

A juíza Fabíola Oliveira Silva, do 1.º Tribunal do Júri, determinou que ele compareça ao cartório em 48 horas para assinar termo de compromisso. Ele estava no Centro de Detenção Provisória de Guarulhos.

O acidente

Futura Press
Motorista furou o bloqueio e atropelou participantes da maratona Pão de Açúcar, na região do Ibirapuera

Santos foi detido por agentes militares após furar um bloqueio de trânsito e atingir sete atletas que participavam da 20.ª Maratona Pão de Açúcar de Revezamento. O motoboy dirigia um Fiat Palio que só parou quando colidiu com uma grade de proteção na avenida. Santos ainda teria tentado fugir do local do acidente a pé, segundo a polícia, mas acabou detido. Em depoimento prestado no 27º DP (Campo Belo), o homem afirmou que foi fechado e, por isso, acabou invadindo a prova não intencionalmente.

O teste etílico, conhecido como bafômetro, constatou que ele não havia consumido bebida alcoólica na data. Mesmo assim, o delegado Emílio Carlos Pernambuco avaliou que Santos dirigia em velocidade incompatível com a via e assumiu o risco de matar os corredores. Os maratonistas atingidos pelo veículo foram socorridos a hospitais da região, todos com ferimentos leves.

    Leia tudo sobre: acidentemaratonistascorredores

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG