Vigário-geral de Piracicaba é esfaqueado durante missa

Homem de 24 anos atingiu o monsenhor Jamil Nassif Abib com uma facada e quando foi dar um novo golpe, a faca quebrou. Aos 72 anos, padre está internado na Santa Casa da cidade

iG São Paulo | - Atualizada às

O monsenhor Jamil Nassif Abib, de 72 anos, vigário-geral da Diocese de Piracicaba, no interior de São Paulo, foi esfaqueado na noite deste domingo (19) enquanto celebrava missa na Catedral de Santo Antônio, onde é pároco. Atingido no tórax, o padre foi socorrido na Santa Casa de Piracicaba, a 164 km de distância da capital paulista.

Futura Press
O monsenhor Jamil, durante celebração de uma missa no dia 8 de abril, em Piracicaba

Leia também:  CNBB lança site para evangelizar crianças

De acordo com a polícia, o repositor L.F.G., de 24 anos, foi preso em flagrante após o crime. Ele teria dado uma facada no padre e quando tentou atingi-lo novamente, a faca se quebrou. O homem foi contido pelos fiéis que estavam na celebração.

Guardas municipais foram chamados e prenderam o suspeito em flagrante. O repositor disse que havia recebido uma mensagem de Deus para matar o padre. A faca usada pelo repositor foi apreendida

A prima de L.F.G, uma auxiliar de enfermagem de 30 anos, disse que, normalmente, o suspeito ameaça a mãe e outras pessoas.

 O padre sofreu perfuração no pulmão e segue internado na Santa Casa, em observação.

    Leia tudo sobre: Jamil Nassif AbibPiracicabapadre esfaqueado

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG