Polícia prende mais três jovens da 'gangue dos playboys'

Eles fazem parte de grupo formado por universitários de classe média suspeito de ter praticado cerca de 50 sequestros relâmpagos em bairros como Brooklin e Moema

iG São Paulo | - Atualizada às

RENATO S. CERQUEIRA/FUTURA PRESS/AE
Polícia Civil mostra artigos que foram apreendidos com universitários presos, na zona sul de SP

Mais três integrantes da chamada "gangue dos playboys" foram presos na madrugada desta quarta-feira, em Taboão da Serra, região metropolitana de São Paulo. Eles fazem parte de um grupo formado por jovens de classe média , alguns universitários, suspeito de ter praticado cerca de 50 sequestros relâmpagos nos bairros do Brooklin, Campo Belo, Itaim-Bibi, Moema e Vila Olímpia.

Leia também: Vítimas reconhecem universitários sequestradores em SP

De acordo com a polícia, os jovens estavam em um Hyundai I-30 roubado recentemente quando foram abordados. Preparavam uma fuga para o Rio de Janeiro, porque outros colegas foram presos no começo da semana . O trio foi conduzido ao 96º DP (Monções), onde os jovens serão interrogados e submetidos a reconhecimento nesta tarde.

Prisão

A polícia informou que primeira identificação dos criminosos ocorreu após a prisão de B.R.G.J., de 19 anos, no dia 11 de abril. O jovem é suspeito de envolvimento em pelo menos 19 casos. Lima disse que ele cometia os crimes para desfrutar do dinheiro com roupas de marca e em casas noturnas.

Ainda segundo o delegado, pelo menos quatro estão matriculados em universidades tradicionais da capital, em cursos como Administração de Empresas e Engenharia. Também tinham um padrão de vida de classe média. Na maioria dos casos, os pais pagavam a faculdade e alguns deles tinham carros novos.

    Leia tudo sobre: sequestrouniversitáriocrimesequestros relâmpagos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG