Grupo é preso em assalto a joalheria na avenida Paulista

Oito homens armados tentaram assaltar o estabelecimento Napoleon Joias, no Shopping Center 3; táxi seria utilizado por quadrilha na fuga

Agência Estado |

Agência Estado

AE
Grupo é preso por policiais civis quando tentava assaltar a joalheria Napoleon Joias, em São Paulo

Policiais do Grupo de Operações Especiais (GOE) frustraram ontem à noite uma tentativa de assalto à joalheria Napoleon Joias do Shopping Center 3, na Avenida Paulista. Cinco policiais à paisana notaram a ação e deram voz de prisão aos criminosos. Mesmo assim, houve pânico e até interrupção de uma sessão de cinema.Acabaram presos cinco homens e duas mulheres. Com o grupo foram apreendidos dois revólveres .38, um revólver .32, uma arma de brinquedo e três algemas de plástico - para prender funcionárias da joalheria, mas que acabaram sendo usadas nos criminosos.

Suspeitos de integrar grupo que fez 50 sequestros relâmpagos em SP são presos

Eram 21h quando dois casais, armados, se fizeram passar por clientes - os outros bandidos davam cobertura do lado de fora da loja. "Aí muitos homens com armas imensas entraram e prenderam várias pessoas", disse uma mulher que trabalha na região e não quis ser identificada.

Outro frequentador do shopping informou que a sessão do filme "Batman - o cavaleiro das trevas ressurge" teve de ser interrompida. Algumas pessoas chegaram a postar, apressadamente, no microblog Twitter, relatando arrastão, o que não aconteceu.

A Polícia Militar disse que recebeu um chamado de roubo, mas quando chegou ao local a ocorrência já estava sendo atendida pelo GOE, da Polícia Civil, que teria tido informações antecipadas do roubo. Há um mês, o GOE já investigava essa quadrilha e mobilizou para a ação na Paulista 10 viaturas e 30 homens. "Foi um trabalho de inteligência e não houve um disparo", disse o delegado Walter Romero Ferrari. "Outros dois suspeitos conseguiram fugir", afirmou o chefe de Investigações, Celso Parra.

Outros casos

Em maio, a joalheria Vecchio, no Shopping Granja Vianna, em Cotia, Grande São Paulo, foi assaltada por pelo menos quatro homens encapuzados, que levaram joias e relógios da vitrine. Em janeiro, o alvo de outra quadrilha foi a joalheria Sayegh do Shopping Ibirapuera, especializada em diamantes. O bando permaneceu na loja por 20 minutos e saiu caminhando com sacolas de joias.

No segundo semestre de 2010, uma onda de roubos a joalherias de shoppings de São Paulo mudou a rotina de segurança dos empreendimentos. Na época, centros de compras de Higienópolis, na região central, e do Campo Limpo, na zona sul, decidiram recorrer à segurança armada na tentativa de afastar os criminosos. O Shopping Cidade Jardim e o MorumbiShopping construíram guaritas blindadas

    Leia tudo sobre: assaltojoalheriashopping center 3avenida paulista

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG