Polícia prende suspeita de chefiar arrastão em prédio na rua Bela Cintra

Atendente de telemarketing foi detida quando ia encontrar parceiro em hipermercado; mulher confessou liderar o grupo, segundo a polícia

iG São Paulo |

A polícia prendeu nesta terça-feira suspeita de liderar o arrastão em um prédio na rua Bela Cintra, região central de São Paulo. A atendente de telemarketing Claudia Delfino Fernandes, de 29 anos, foi detida em um hipermercado onde pretendia se encontrar um dos integrantes da quadrilha, o office-boy Diego Silva de Oliveira, 27.

Leia também: Quadrilha faz arrastão em prédio na Consolação

Divulgação
Armas e objetos apreendidos com suspeitos de realizar arrastão em prédio da Bela Cintra

Oliveira já havia sido preso pelo Deic (Departamento Estadual de Investigações Criminais) em um quarto de hotel no bairro da Bela Vista, também na região central. Em seguida, os policiais esperaram a mulher no lugar do encontro. Segundo a polícia, Claudia admitiu ter reunido Oliveira e outros dois vizinhos para realizar o roubo ao condomínio em busca de dinheiro.

Outros dois homens, Eduardo Alexandre Marcelino, de 38 anos, e Orlando Carlos de Moraes Brito, de 21,foram presos em flagrante logo após o assalto quando fugiam a pé.

AE
Moradores do prédio na Rua Bela Cintra foram feitos reféns na noite de segunda-feira

Segundo a polícia, os bandidos invadiram o prédio pela portaria e depois entraram na garagem com um Ford Fiesta roubado para levar os objetos roubados. O bando fez pelo menos 13 vítimas.

A Polícia Militar foi avisada por um morador e conseguiu prender Marcelino e Brito quando ainda carregavam objetos roubados, uma espingarda calibre 12 e uma pistola. Os detidos foram encaminhados à Delegacia de Investigações de Roubo a Condomínios.

    Leia tudo sobre: arrastões em são pauloroubo

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG