Polícia divulga imagens de roubo de quadros de Volpi em São Paulo

Sete quadros de Volpi e um de Ivan Serpa foram levados da casa de um colecionador de artes em outubro do ano passado. Até hoje não há informações das obras

iG São Paulo |

A Polícia Civil de São Paulo divulgou nesta segunda-feira imagens de um assalto, ocorrido em 31 de outubro do ano passado, em que criminosos levaram sete quadros do pintor Alfredo Volpi da casa de um colecionador de artes, no Jardim Europa, região nobre da cidade de São Paulo. Também foi levada uma obra do pintor Ivan Serpa. 

Leia também:
Veja a lista dos principais roubos de obras de arte do século 

Segundo a polícia, o roubo ocorreu após um funcionário que trabalha da residência ser sequestrado quando saia de sua casa em Cotia, na Grande São Paulo. Ele foi obrigado a seguir com dois homens até o local do crime, enquanto outros três suspeitos fizeram sua família refém em outro veículo.  Veja abaixo as imagens do assalto:

Após chegar a casa alvo do roubo, o funcionário abriu o portão da garagem e liberou a entrada do veículo, uma pick up. Do automóvel saíram um assaltante, que dirigia o carro, o funcionário, como passageiro, e ainda um outro comparsa que estava escondido na caçamba. 

Divulgação
A obra Bandeirinhas estruturadas com mastros, de Volpi, levada por criminosos em São Paulo

A polícia informou que os criminosos renderam os moradores da casa e levaram os oito quadros deixando o local no mesmo carro em que chegaram, que depois foi abandonado na região da Carapicuíba, na Grande São Paulo. Os moradores informaram que os invasores sabiam exatamente onde os quadros estavam fixados e o que estavam levando. Até o momento, não há informações sobre o paradeiro das obras e dos criminosos.

Nascido na Itália, em abril de 1896, Alfredo Volpi passou a maior parte da vida no Brasil, até morrer em São Paulo, em 28 de maio de 1988. Ele é considerado um dos artistas mais importantes da segunda geração do modernismo. Ficou conhecido pelas bandeirinhas e os casarios de suas pinturas.

Veja abaixo relação das obras roubadas:

Alfredo Volpi:
Elementos de Fachada e Bandeirinhas
1960 – 134 x 84 cm
Tempera sobre tela

Bandeirinha – Final da década 1950
Tempera sobre tela

92 x 65 cm – assinado no verso
Projeto Nº 1002

Pintura nº 2 - (Concretos)
Tempera sobre tela
72,8 x 116 cm
Assinado no verso
Projeto nº 2276

Fachada em azul e vermelho – (Fachadas)
59,5 x 38,3 cm - Tempera sobre tela
Assinado no verso –
Início da Década de 60
Projeto Nº2297

O Manequim – natureza morta – Déc. 50
Tempera sobre papel colado sobre papelão
23,3 x 31,8 cm
Assinado no canto inferior direito

Sacada branca – elementos de fachada
Dec.50 -Tempera sobre tela –
73 x 54 cm

Bandeirinhas estruturadas com mastros
33,5 x 68 cm - Década de 60
Tempera sobre tela – Assinado no verso
Projeto Nº2236

Ivan Serpa
Sem Título
98 x 130 cm – c.1957
Óleo sobre tela

    Leia tudo sobre: roubo de quadroobras de arteIvan SerpaAlfredo Volpi

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG