Ponte estava interditada desde o dia 23 de novembro do ano passado, quando parte da mureta cedeu, na zona oeste da capital

Local ficou interditado por seis meses após queda de mureta, na zona oeste de São Paulo
AE
Local ficou interditado por seis meses após queda de mureta, na zona oeste de São Paulo

A Ponte dos Remédios, na zona oeste de São Paulo, foi totalmente liberada para o tráfego nesta manhã de segunda-feira. A estrutura passou por obras durante seis meses, desde novembro do ano passado, quando parte da mureta caiu. Ninguém ficou ferido na ocasião. A ponte é uma das principais vias de ligação entre a São Paulo e Osasco, na região metropolitana.

Entenda: Ponte dos Remédios é interditada após queda de mureta, em São Paulo

Segundo a Companhia de Engenharia de Tráfego (CET), a ponte foi entregue nesta manhã com nova sinalização horizontal e melhorias para passagem de pedestres. A faixa reversível no sentido São Paulo, das 6h às 9h, foi retomada visando melhorar as condições de segurança e fluidez do local.

Também está normalizado os itinerários das linhas de ônibus e os veículos de carga já podem transitar pelos dois sentidos em horário integral.

Órgãos da CET e Defesa Civil realizaram perícia na ponte após acidente (novembro/2011)
Futura Press
Órgãos da CET e Defesa Civil realizaram perícia na ponte após acidente (novembro/2011)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.