Desrespeito aos pedestres persiste em SP após um ano de campanha

Programa de Proteção ao Pedestre da CET registra 90% de desrespeito dos motoristas em cruzamento do centro de São Paulo; respeito aumentou 16%

iG São Paulo |

Após um ano do Programa de Proteção ao Pedestre, um estudo da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) revelou que o desrespeito do condutor à prioridade de travessia do pedestre continua atingindo índices alarmantes. É o caso do cruzamento da rua Álvaro de Carvalho, no centro de São Paulo, que registrou 90% de desrespeito aos pedestres entre os dias 24 de abril a 4 de maio. O nível de respeito à travessia aumentou 16% no mesmo período.

Sinal da Vida: Motoristas querem que pedestres acenem para atravessar a rua, diz pesquisa

Ao todo, quatro cruzamentos foram analisados pela CET. São eles: ruas Haddock Lobo com Luís Coelho; ruas Álvaro de Carvalho com João Adolfo com Alfredo Gagliotti; ruas Quintino Bocaiúva com Riachuelo e ruas Maria Paula com Francisca Miquelina.

O órgão de trânsito informou que, para medir o grau de desrespeito à preferência da travessia, foram contabilizados os casos onde tanto veículo quanto o pedestre desejassem passar pelo mesmo local ao mesmo tempo. Todos os locais analisados tiveram altos índices de desrespeito, a média geral entre todos foi de 73%. O segundo pior cruzamento foi o da rua Dona Maria Paula, com 75%.

Percepções


Para diagnosticar as percepções dos dois principais atores no trânsito, foram entrevistados 415 motoristas e 427 pedestres. Dos condutores questionados, 94,9% (393) afirmaram que dão preferência de passagem para quem tenta atravessar na faixa. Já os pedestres estão se sentido apenas 12,7% mais respeitados em seu direito no trânsito. Na mesma categoria, a maioria dos pedestres ainda se sente desrespeitada – 56,8%.

Leia também:
CET começa a multar motorista que desrespeitar faixa de pedestre
Em São Paulo, 19 pessoas são atropeladas por dia
Falha humana é principal causa em 90% dos atropelamentos em São Paulo

Veja abaixo as multas para quem desrespeita os pedestres:

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG