SP oferece 700 bolsas de pós a professores públicos

Professores, diretores e supervisores da rede estadual de São Paulo poderão concorrer a 700 bolsas de estudo no valor de R$ 790 mensais para cursar mestrado e doutorado. O benefício valerá tanto para instituições públicas como privadas.

Agência Estado |

Para serem contemplados, os profissionais precisam ter seu projeto de estudo aprovado pela universidade escolhida, não receber nenhum outro tipo de incentivo por meio de bolsa e ser membro estável e efetivo do quadro de magistério.

A ação é uma iniciativa do programa Bolsa Mestrado, da Secretaria de Estado da Educação, para melhorar o nível técnico dos professores, com a intenção de que isso se reflita no aprendizado dos alunos. No caso de mestrado, o benefício será de até 24 meses, prorrogáveis por mais seis meses. Já para cursos de doutorado, a bolsa terá duração de 48 messes, também podendo ser prorrogada por até seis meses.

Segundo a secretaria, a regulamentação do programa, datas e formas de inscrições devem ser publicadas no Diário Oficial do Estado nos próximos dias. Atualmente, dos 230 mil professores, 5,5 mil diretores e 1,2 mil supervisores da rede pública de educação, apenas 781 possuem doutorado e 88 mestrado, informou a Secretaria de Educação.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG