hereditária - Brasil - iG" /

SP diz que gravidez na adolescência tem característica hereditária

Segundo levantamento da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, realizado com 428 mães e companheiros adolescentes, 69% dos casos de gravidez na juventude apresentam característica hereditária. A avó materna dessas jovens atendidas na Casa do Adolescente de Pinheiros, zona oeste de capital paulista, também foi mãe quando adolescente.

Agência Estado |

O levantamento realizado entre agosto de 1997 e julho de 2008 apontou também que 80,5% dos bebês nascidos de mães adolescentes dependem de ajuda financeira da família materna. Das adolescentes entrevistadas, 66,8% viviam consensualmente com o parceiro, 20% permaneceram solteiras e 10,5% estavam casadas. O início médio da atividade sexual das jovens foi aos 15,1 anos.

Do total de adolescentes ouvidas, 86,3% não tinham o desejo de ficarem grávidas. No entanto, ao engravidar, só 18,9% usavam anticoncepcional oral e 15,4% afirmaram usar camisinha nas relações sexuais. Outras 2,3% informaram usar anticoncepcional injetável. Ainda segundo o levantamento as adolescentes normalmente têm filhos de pais cinco anos mais velhos. A idade média das jovens entrevistadas foi de 17,5 anos, enquanto a dos companheiros, de 22,5.

AE

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG