SP amplia para linha de crédito para Santas Casas

O Governo de São Paulo anunciou hoje a ampliação de R$ 100 milhões para R$ 150 milhões a linha de crédito a juro zero para auxiliar as Santas Casas e hospitais filantrópicos do Estado. Segundo a Secretaria da Saúde, a medida foi tomada devido à grande demanda pelo financiamento, oferecido pela Nossa Caixa.

Agência Estado |

Os juros são pagos pela pasta.

De acordo com dados da Secretaria da Saúde, desde de novembro foram aprovados 43 pedidos de empréstimo, com prazo de pagamento de até 36 meses. O limite de financiamento é de R$ 5 milhões, conforme o faturamento SUS. O dinheiro pode ser utilizado para quitar dívidas de outros empréstimos bancários, pagar fornecedores ou investir em reforma, ampliação e modernização da unidade. Mas não é permitido destiná-lo para pagamento de impostos em atraso ou dívidas trabalhistas.

"O objetivo deste empréstimo é justamente ajudar as entidades a equilibrar suas contas e iniciar um novo ciclo, só que desta vez virtuoso", explicou, em nota, o secretário da Saúde, Luiz Roberto Barradas Barata. Para obter os recursos, a Santa Casa dever apresentar um projeto à Nossa Caixa justificando o pedido. A secretaria também avaliará a proposta e pode aprová-la ou não. Atualmente, os hospitais filantrópicos respondem por 57% das internações feitas pelo SUS no Estado.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG