SOS Mata Atlântica faz manifestação em favor do diesel limpo

SÃO PAULO - A Fundação SOS Mata Atlântica promove, nesta quarta-feira, manifestação contra a medida que permite que o diesel produzido no Brasil tenha mais enxofre do que o recomendado pelo Conselho Nacional do Meio Ambiente (Conama).

Agência Brasil |

O movimento está previsto para começar às 11h em frente ao prédio da Justiça Federal, em São Paulo, onde será apresentado um manifesto da Coalizão de Organizações pela Vida.

Um acordo para reduzir a poluição ambiental provocada pelo diesel foi assinado na semana passada pelo Ministério Público Federal, o governo de São Paulo, a Agência Nacional de Petróleo, a Petrobras, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a Companhia de Tecnologia de Saneamento Ambiental (Cetesb), a Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores (Anfavea), 16 montadoras de veículos e um fabricante de motores.

O termo não cumpre a Resolução 315/2002 do Conama, que estabeleceu a obrigatoriedade de um diesel mais limpo, denominado S50, com 50 partes por milhão (ppm) de enxofre (elemento químico poluente com potencial cancerígeno) para o início de 2009. O diesel fornecido hoje no interior do país apresenta 2 mil ppm de enxofre e será substituído por 1.800 ppm a partir de 1º de janeiro do ano que vem.

Leia mais sobre: diesel limpo

    Leia tudo sobre: meio ambiente

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG