Dois homens, entre eles um soldado da Polícia Militar (PM), foram presos ontem com cerca de um quilo de cocaína na estação ferroviária de Guaianazes, da Companhia Paulista de Trens Metropolitanos (CPTM). Agentes da 4ª Delegacia do Departamento de Investigações sobre Narcóticos (Denarc) chegaram até eles após investigação do serviço de inteligência, que teve apoio de grampos telefônicos.

Em seu dia de folga, o soldado Antonio Carlos Alves, de 35 anos, que trabalha no setor de Telecomunicações da PM, acompanhado de um amigo, foi detido com uma caixa de sapato, na qual estava a droga. Os dois foram encaminhados para a sede do Denarc, onde a Corregedoria da PM acompanhou a autuação em flagrante do soldado, que foi transferido para o Presídio Romão Gomes.

Segundo nota divulgada pela PM, a corporação "não compactua com nenhum desvio de conduta e, por meio de sua Corregedoria, realiza um forte trabalho de depuração interna". Ainda de acordo com a PM, de janeiro até outubro deste ano, mais de cem policiais já foram expulsos da corporação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.