Sobrevoo de helicóptero é espetáculo à parte Por Paulo Liebert* Santa Elena de Uiarén (RR), 21 (AE) - O voo de helicóptero revela cachoeiras e fendas que se abrem nos arredores do Monte Roraima. O aparelho, que transporta cinco pessoas, além do piloto, parte de Santa Elena de Uiarén, já do lado venezuelano.

Alternativa para quem quer chegar ao topo das montanhas sem ter de encarar seis dias de caminhada pela selva, o sobrevoo é um espetáculo à parte. Os desafios de quem escolhe ir de helicóptero são outros. O primeiro é o preço: o voo de menos de duas horas custa US$ 1.900 para um grupo de cinco pessoas, com paradas nos Montes Roraima e Kukenán. Se dinheiro não for o problema, tudo vai depender das condições meteorológicas, nem sempre favoráveis.

Depois de partir de Santa Elena de Uiarén, os montes aos poucos começam a aparecer no horizonte da Grande Savana. Com um pouco de sorte é possível avistá-los sem que a neblina atrapalhe. Logo se observa o Salto Kukenán, uma das maiores cachoeiras do mundo, com 610 metros de altura. Um relevo espetacular. No topo dos montes, porém, as paradas têm horário contado: no máximo 20 minutos, em razão das rápidas variações do clima.

Tempo suficiente para ver algumas plantas e animais endêmicos - ou seja, que só existem ali -, como a incrível Oreophrynella, uma rã minúscula, do tamanho de uma unha, toda negra. A espécie, muito antiga, conseguiu preservar suas características primitivas.

Em um ambiente assim, alguns seres apresentam alta quantidade de melanina - em outras palavras, um aumento da pigmentação preta. Foi a solução encontrada pela natureza para proteger os animais da intensa radiação ultravioleta existente na altitude. Assim, a rã perde água por evaporação e ganha a coloração escura, que proporciona uma camuflagem perfeita entre as pedras.

Caminhar sobre os Montes Roraima e Kukenán é algo único. "Normalmente, o montanhista diz que vai subir para conquistar uma montanha. Aqui, eu inverto essa ordem. Digo que você não deve querer conquistar o Monte Roraima e, sim, deixar ser conquistado", diz Magno de Souza, responsável por uma das agências de turismo que operam na região.

No currículo, aproximadamente 470 viagens de ida e volta até o topo dos montes. Mas o piloto do helicóptero, Rafael León, acredita que ainda não conhece tudo na região do Monte Roraima. "Se conhecesse, não teria mais a emoção de estar sempre aqui", diz. E completa: "Não há palavras para descrevê-lo."
Rochas, cristais, lagos, vegetação, cachoeiras, nascentes de rios, lendas e mistérios. Na verdade, o tempo que se passa no Monte Roraima quando se vai de helicóptero é curto. A impressão é que muita coisa a ser explorada ficou para trás (como de fato ocorre). Para não voltar para casa com tal sensação, é possível passar uma ou duas noites no local. Nesse caso, é preciso ter uma equipe de apoio com guia e combinar, com antecedência, com a agência contratada.

Tour de helicóptero: www.raulhelicopteros.com

COMO IR
PASSAGEM AÉREA
O trecho SP-Boa Vista-SP custa a partir de R$ 798 na Gol (0300-115-2121; voegol.com.br) e R$ 958 na TAM (4002-5700; tam.com.br)

PACOTES*
- R$ 2.950: 8 noites, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Riviera (0--11-5533-6889; www.rivieraoperadora.com.br)
- R$ 3.407: 8 noites, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Filhos da Terra (0--11-3171-2000; www.filhosdaterra.com)
- R$ 3.428: 7 noites, com refeições na trilha, passeios e equipamentos de camping. Na Sem Fronteiras (0--11-2091-3595; www.semfronteiras.tur.br)
- R$ 3.647: 9 noites, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Natural Mar (0--11-3256-7492; www.naturalmar.com.br)
- R$ 3.660: 8 noites, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Pisa Trekking (0--11-5052-4085; www.pisa.tur.br)
- R$ 3.860: 9 noites, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Freeway (0--11-5088-0999; www.freeway.tur.br)
- R$ 3.867: 10 dias, com refeições na trilha, guia e equipamentos de camping. Na Venturas e Aventuras (0--11-3872-0362; www.venturas.com.br)

PASSEIOS
Roraima Adventures: localizada em Boa Vista, a empresa (www.roraima-brasil.com.br) é especializada em trekkings no Monte Roraima. A logística inclui o traslado a partir de Boa Vista em veículo privativo, equipamento de camping, alimentação e guia. O viajante só precisa escolher a data que deseja viajar - a agência se encarrega de formar o grupo.

ONDE FICAR
Hotel Aipana Plaza: quarto individual por R$ 165 e duplo, por R$ 190. Inclui café.

Informações: aipanaplaza.com.br

QUANDO IR
- De maio a setembro: é o melhor período para quem tem como prioridade ver as cachoeiras com farto volume de água.

A época, entretanto, tem grande possibilidade de chuva
- De outubro a abril: tempo de estiagem, o que facilita a vida dos aventureiros que pretendem encarar caminhadas pelas trilhas da região

*Mínimo por pessoa em quarto duplo, com aéreo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.