Sobe para três o número de pessoas mortas em São Paulo por causa da chuva

Subiu para três o número de pessoas mortas por causa da forte chuva que atingiu o Estado de São Paulo na noite de domingo e madrugada desta segunda-feira, segundo informações do Corpo de Bombeiros.

iG São Paulo |

As duas últimas mortes foram registradas em São José do Rio Preto, no interior de São Paulo, na madrugada desta segunda-feira. De acordo com informações iniciais do Corpo de Bombeiros, uma das vítimas fazia parte da corporação e morreu afogada durante um salvamento na Avenida Bady Bassitt. A outra pessoa morreu dentro de um carro, no centro da cidade.

No domingo, em Franca, já havia sido registrada a morte de uma mulher de 48 anos morreu durante o temporal que atingiu a cidade. Segundo os bombeiros, ela saiu de casa, localizada nos fundos de um terreno, para ir até a residência da irmã, na frente do imóvel.

A vítima, segundo a corporação, estaria alcoolizada e acabou caindo no corredor do terreno e, por conta do temporal, teria morrido por hipotermia. Ela foi encontrada horas depois pela irmã, já sem vida. 

Desaparecidos

Também em Franca, os bombeiros retomaram na manhã desta segunda-feira as buscas a um homem que desapareceu na represa da Usina de Estreito, em Pedregulho.

Gilberto Bernardo de Lima, de 52 anos, funcionário da usina, estava pescando junto com outros três trabalhadores quando o barco virou. Três deles conseguiram se salvar.

AE
Galeria na zona norte de São Paulo onde mulher teria desaparecido

Galeria na zona norte de São Paulo onde mulher teria desaparecido

Já na zona norte da capital paulista, uma mulher teria sido engolida por uma galeria na região da Brasilândia. Segundo os bombeiros, testemunhas disseram que a vítima desapareceu após cair em uma galeria que fica ao lado de um escadão em uma rua do Jardim Damasceno. A entrada da galeria pluvial é aberta.

Equipes foram enviadas ao local e, após procurarem no córrego das proximidades, não encontraram a mulher. As buscas foram retomadas também na manhã desta segunda-feira.

No domingo, o Centro de Gerenciamento de Emergências (CGE) da Prefeitura de São Paulo chegou a decretar estado de atenção na cidade por causa da chuva forte. O aeroporto de Congonhas, localizado na zona sul, teve de ser fechado e os voos foram desviados.

(*com informações da Agência Estado)

Leia também:

Leia mais sobre chuvas

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG