Sobe para 488 número de casas danificadas por vendaval

Segundo a Defesa Civil Estadual, os ventos chegaram a 124 km/h e deixaram 11 pessoas feridas

iG São Paulo |

Relatório da Defesa Civil do Rio Grande do Sul divulgado nesta quinte-feira aponta que os ventos de 124 km/h que atingiram a cidade de Canela na noite de quarta-feira danificaram ao menos 407 imóveis e destruíram outras 81 casas. Há relatos de que árvores no Parque das Sequóias foram derrubadas como se tivessem sido "cortadas por motosserra". Mais de 250 árvores de grande porte foram arrancadas no município.

Segundo o órgão, 180 pessoas estão desalojadas e 11 estão desabrigadas. Outros 11 moradores tiveram ferimentos sem gravidade após a passagem do vendaval com características de tornado, que durou cerca de 40 segundos. Esse é o quinto vendaval a atingir a Serra Gaúcha desde 2003. Meteorologistas afirmam que os ventos podem ter chegado a 200 km por hora.

O vendaval atingiu sete bairros do município de Canela: São José, Quinta da Serra, Santa Terezinha, Vila Maggi, Vila do Cedro, Santa Marta e Leodoro de Azevedo. Em menos de um minuto, o vento destruiu casas e provocou a queda de placas, árvores e postes.

De acordo com a Prefeitura de Canela, duas fábricas de móveis foram completamente destruídas. Em Santa Terezinha a Escola Municipal de Ensino Fundamental foi destelhada. Além disso, 250 árvores de grande porte - como araucárias, ciprestes e sequoias - foram arrancadas.

Apesar da fúria do vendaval, o balanço do órgão aponta que não houve vítimas graves. Onze pessoas tiveram ferimentos leves, como escoriações, e foram atendidas no hospital local. Ninguém precisou ser internado.

Segundo classificação da Defesa Civil, desabrigados são pessoas que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos, e desalojados, aquelas que podem contar com ajuda de vizinhos e familiares.

null Energia

Cerca de 3 mil residências tiveram o abastecimento de energia interrompido em Canela, enquanto que em Bento Gonçalves, 4,7 mil clientes ficaram sem luz. O defeito em uma linha de transmissão atingiu também zonas urbanas e rurais de outros dez municípios da região da Serra Gaúcha.

Até às 18 horas desta quinta-feira , 22 mil clientes da Rio Grande Energia (RGE) estavam sem energia elétrica em Canela. Não ha previsão para o restabelecimento do serviço. No início da tarde, a energia para 130 consumidores afetados pelo mau tempo em Gramado já havia sido normalizada, segundo informou a concessionária.

A Defesa Civil Estadual informou que um comitê de gerenciamento de crise foi formado para prestar atendimento às vítimas. O grupo é composto por integrantes da Defesa Civil, do Executivo Municipal e do Corpo de Bombeiros.

O prefeito do município, Constantino Orsolin (PMDB), se reuniu com secretários do Estado, Defesa Civil e Corpo de Bombeiros na manhã desta quinta-feira e afirmou que foi criada uma uma frente de trabalho de emergência para auxiliar os atingidos pela ventania.  “Estamos fazendo tudo de forma muito rápida para não haver interferência no turismo, que representa 60% da economia do município", afirmou. Constantino garantiu também que determinou o aluguel de casas para as famílias que estão desabrigadas.

Gramado

A cidade de Gramado também foi atingida por fortes ventos na noite de quarta-feira, mas, conforme a Prefeitura, os estragos foram menores que os registrados em Canela. O mau tempo derrubou árvores e destelhou casas. Não há feridos e os danos foram somente materiais.

O bairro de Carniel, de classe média, foi o mais atingido, onde o Corpo de Bombeiros recebeu 12 chamadas de moradores assustados com o vendaval e relatando quedas de árvores. A Prefeitura afirma que equipes da administração municipal estão na rua contabilizando os prejuízos e fornecendo telhas e lonas para os moradores. Os estragos nos dois municípios ainda estão sendo contabilizados.

Veja a previsão do tempo para a sua cidade

 *Com informações das agênciaa Brasil e Estado

    Leia tudo sobre: vendavalrio grande do sulcanelagramadoventos

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG