Sobe número de desabrigados no Rio por conta da chuva

RIO DE JANEIRO - Aumentou o número de pessoas que foram obrigadas a deixar suas casas por conta das inundações no Rio de Janeiro nos últimos dias, segundo último balanço da Defesa Civil do Estado. Outras 500 pessoas ficaram desabrigadas nesta quinta-feira em Campos dos Goytacazes, cujas casas, em Ponta Grossa dos Fidalgos e Baixada Campista, foram tomadas pelas águas da Lagoa Feia, que transbordou.

Agência Estado |

No município, há cerca de 1.887 desabrigados - pessoas que perderam tudo e precisam dos abrigos públicos - e 5.500 desalojados - os que podem contar com ajuda de vizinhos e familiares.

Para abrigar todas essas pessoas, o número de alojamentos montados para receber os desabrigados em Campos dos Goytacazes também aumentou de 13 para 41, segundo a Defesa Civil. De acordo com a coordenação do órgão no Rio, as chuvas registradas nos últimos dias já afetaram cerca de 485 mil pessoas em todo Estado. Na tarde de ontem, o número de desalojados era de 7.359, enquanto que o total de desabrigados era de 3.222 (incluindo os 500 desabrigados de Campos).

O superintendente de Vigilância em Saúde da Sesdec, Victor Berbara, confirmou que existem no município três casos suspeitos de leptospirose, doença transmitida por roedores domésticos. Dois deles de moradores que tiveram contato com águas da enchente.

Os sintomas variam desde febre alta, dor de cabeça e dores musculares, até quadros mais graves, como insuficiência renal, hemorragias e alterações neurológicas que podem levar à morte.

Leia mais sobre: desabrigados

    Leia tudo sobre: desabrigadosrio de janeiro

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG