Site do ministério do Esporte sai do ar pela segunda vez hoje

Área técnica do órgão diz que invasão não afetou a rede interna e que informações sobre usuários e verbas divulgados são falsas

iG Brasília |

Minutos após o Ministério do Esporte informar que seus técnicos distribuiriam um relatório sobre as instabilidades do site pela manhã, o site do órgão máximo do esporte brasileiro voltou a cair. Às 16h23, o site do ministério do Esporte não estava no ar.

No fim da tarde, o Ministério informou em nota que "análise feita pela Coordenação-Geral de Inovação e Organização Institucional (CGOI) do Ministério do Esporte mostrou que a invasão perimetral ao site do Ministério não afetou a rede interna, não tendo sido capturados usuários e senhas dessa rede, o que contraria informações de hackers divulgadas na Internet".

Ao longo da tarde, o grupo LulzSecBrazil divulgou no twitter informações que seriam de usuários do sistema do Ministério do Esporte, assim como dados de repasses são irreais. Segundo o ministério, porém, como medida de prevenção, senhas criptografas de usuários externos foram canceladas.

Às 14 horas de hoje o site da Infraero também saiu do ar, tendo retornado a operar normalmente por volta das 14h20. Segundo a assessoria de imprensa da empresa estatal, a interrupção se deu por conta de uma ação preventiva por iniciativa da própria área de Tecnologia da Informação.

Até 18 horas, o site do Ministério do Esporte permanece fora do ar para manutenção, diz a assessoria de imprensa do órgão.

Infraero e Cultura também caíram

A ação da Infraero foi motivada pelos ataques de hackers a sites públicos, que se intensificaram nos últimos dias, segundo a assessoria de imprensa.

Outro órgão a detecter instabilidade em seu site hoje foi o Ministério da Cultura, cuja assessoria de imprensa também negou tratar-se de um ataque de hackers. De acordo com o MinC, houve apenas uma tentativa de entrada no site, sem sucesso.

Segundo o ministério, uma sobrecarga de acesso foi reconhecida e "causada por apenas um IP, que parecia querer derrubar o servidor do Ministério". A assessoria informou que é possível que hackers tenham tentado derrubar o sistema, mas que isso não ficou comprovado pela equipe técnica.

(com Agência Estado)

    Leia tudo sobre: hackercrackersites do governoinvasão eletrônica

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG