Sinopse de imprensa: Gol vai pagar indenização de R$ 46 milhões para famílias

BRASÍLIA - A Gol fechou um acordo para pagamento de R$ 46 milhões a 45 famílias de vítimas do acidente com o voo 1907. O acidente ocorreu em setembro de 2006 e resultou na morte de 154 pessoas. Segundo o escritório Leonardo Amarante e Advogados Associados, o acordo é um dos maiores já fechados nesta área. As informações são do jornal ¿Folha de S.Paulo¿.

Redação |

O escritório afirma que a negociação foi feita em conjunto. Sete famílias já receberam R$ 11 milhões em indenização. Os primeiros acordos foram homologados no fim de dezembro e começaram a ser pagos na primeira semana de fevereiro. Os acordos das demais famílias estão entre a fase de homologação e assinatura.

Segundo o escritório, em negociações assim, a companhia faz uma proposta às famílias. Quando elas aceitam a oferta, a proposta é encaminhada para as seguradoras, responsáveis pela liberação dos recursos. O dinheiro é depositado em fundo de pagamento de indenização e destinado aos familiares após autorização da Justiça. Os acordos foram fechados na 25ª Vara Cível do Rio.

O valor da indenização varia de acordo com aspectos como idade da vítima, salário que recebia e o grau de instrução. Na prática, considera-se a remuneração recebida pela vítima e a sua expectativa de vida útil.

A Gol afirma que já fez acordos com familiares de 106 dos 154 passageiros do voo 1907. A companhia diz que não divulga valores em atendimento a uma solicitação de confidencialidade feita pelas famílias.

Leia mais sobre: acidentes aéreos

    Leia tudo sobre: acidente aéreoacidente da gol

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG