SÃO PAULO - A gestão Gilberto Kassab (DEM) afastou nesta sexta-feira do cargo a diretora técnica do Departamento de Merenda Escolar, Beatriz Aparecida Edmea Tenuta, recém-nomeada pelo próprio prefeito e que havia trabalhado de 2005 a janeiro de 2007 para a SP Alimentação. As informações são do jornal ¿Folha de S. Paulo¿.

A empresa, que fornece a comida terceirizada nas escolas paulistanas, é uma das investigadas pelo Ministério Público Estadual sob a suspeita de fraude no pregão da merenda -ocorrido há 20 meses- e de má qualidade dos serviços.

A decisão foi divulgada por volta das 21h, depois de a reportagem questionar a assessoria do prefeito sobre eventual conflito de interesses na nomeação de Beatriz, oficializada no dia 13 de janeiro.

Uma das funções da diretora do departamento de merenda é justamente fiscalizar os serviços prestados pelas empresas -incluindo a SP Alimentação, onde ela havia trabalhado.

A Secretaria da Educação informou que a decisão de afastar Beatriz se deu para preservá-la e para garantir lisura na apuração das denúncias pela Promotoria -que investiga a proximidade entre iniciativa privada e servidores por suposto tráfico de influência. Segundo a pasta, ela pode retornar no futuro.

Leia mais sobre: merenda

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.