Sinopse de imprensa - Dantas lavou dinheiro no porto de Santos, acusa PF

SÃO PAULO - O banqueiro Daniel Dantas usou uma empresa dele que opera o terminal de contêineres do porto de Santos Brasil S/A, para lavar dinheiro que tinha fora do País, segundo documentos apreendidos pela Polícia Federal. As informações são do jornal Folha de S. Paulo.

Redação |

Acordo Ortográfico Segundo a publicação, os papeis indicam que o próprio Dantas comprou debêntures da Santos Brasil com recursos que tinha no exterior. Para as autoridades brasileiras, parece que a compra foi feita por investidores estrangeiros, já que foram usados intermediários para esconder o real proprietário dos recursos, ainda de acordo com a polícia.

    Ainda de acordo com o jornal, a PF acusa o banqueiro de ter lavado dinheiro de quatro maneiras pelo menos: com gado, mineiração, empreendimentos imobiliários e comprando debêntures na Santos Brasil.

    Leia mais sobre: Daniel Dantas

      Leia tudo sobre: operação satiagraha

      Notícias Relacionadas


        Mais destaques

        Destaques da home iG