Sinopse de imprensa: Brasil e EUA fecham acordo que amplia visto para 10 anos

BRASÍLIA - Os governos do Brasil e dos EUA fecharam acordo para ampliar o prazo de validade do visto de turista dos dois países de cinco para dez anos. Firmado no fim do ano passado, o acordo está pronto no Itamaraty e deve ser enviado à Casa Civil na próxima semana.

Redação |

Acordo Ortográfico

De lá, segue para aprovação do Congresso e para sanção do presidente.

A expectativa do Itamaraty é que o visto de dez anos passe a valer já neste semestre.

"Todos têm grande interesse que isso saia: o povo brasileiro quer, os congressistas querem, os empresários querem, os americanos querem", diz Mitzi Gurgel da Costa, chefe do departamento de imigração e assuntos jurídicos do Itamaraty.

A mudança abrange apenas a validade dos vistos. Os EUA mantêm as exigências como prova de vínculos com o Brasil por meio de renda fixa, bom emprego e casa própria.

No pacote, foi incluída a isenção das taxas extras para vistos de negócios e de estudante.

O Brasil pediu a dispensa da taxa administrativa de US$ 131 (R$ 297) cobrada na emissão de qualquer visto, mas o governo dos EUA não aceitou. A taxa para agendamento de entrevistas, de R$ 38, também foi mantida.

Na década de 1990, a validade do visto para turistas brasileiros era de dez anos, mas, depois dos ataques terroristas de 2001, o prazo foi reduzido para cinco anos. Àquela época, a taxa cobrada era de US$ 45 (R$ 102).

Pelo princípio da reciprocidade, o Brasil é obrigado a aplicar as mesma regras aos americanos que venham ao país.

O Consulado dos EUA em São Paulo confirma o resultado da negociação, mas não se dispôs a comentá-lo. Até o dia 30 de setembro, a Embaixada dos EUA havia processado cerca de 496 mil pedidos de visto -cerca de 90% são atendidos.

Na prática, a ampliação do prazo de validade do visto americano para dez anos deve diminuir as filas nos quatro consulados dos EUA no país, em São Paulo, Rio, Brasília e Recife.

Leia mais sobre: visto

    Leia tudo sobre: brasil

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG