Sinopse da imprensa: Justiça dos EUA renova bloqueio aos bens de Daniel Dantas

A Justiça norte-americana informou que irá prorrogar até 14 de maio o bloqueio aos bens do banqueiro Daniel Dantas. O Ministério da Justiça teria obtido o bloqueio inicial dos cerca de R$ 894 milhões (US$ 400 milhões) em janeiro e o prazo expirou na última terça-feira. As informações são do jornal ¿Folha de S. Paulo¿.

Redação |

O Ministério da Justiça teria conseguido, também, o bloqueio de cerca de R$ 4,5 bilhões (US$ 2 bilhões) em outros dois países (Reino Unido e Suíça), somando um total de R$ 5,4 bilhões que não podem ser movimentados por Dantas.

O pedido foi feito pela Polícia Federal que apura supostos crimes financeiros e de lavagem de dinheiro que teriam sido praticados pelo banqueiro.

O dinheiro mantido por Dantas no exterior seria de origem criminosa e teria sido enviado irregularmente por doleiros. Dantas se defende e diz que os bens têm origem legal e as remessas foram legítimas.

A vitória do Governo brasileiro aconteceu após um revés. Em março, o juiz da corte distrital de Columbia, nos EUA, John D. Bates, suspendeu o bloqueio inicial aos bens de Dantas e outros investidores do banco Opportunity . Bates argumentou que, apesar dos fortes argumentos do governo brasileiro, o País pediu à corte algo que o Congresso norte-americano já negara.

Leia mais sobre: Daniel Dantas

    Leia tudo sobre: operação satiagraha

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG