Silvério Pessoa faz tributo a Jackson do Pandeiro em SP

Se estivesse vivo, Jackson do Pandeiro, o Rei do Ritmo, completaria 90 anos no dia 31 de agosto. Mesmo com um mês de antecedência, as comemorações de seu aniversário já começaram e não têm data para terminar.

Agência Estado |

Como foi o caso da festa de São João, no Recife, dedicada ao músico nascido em Alagoa Grande, na Paraíba. Em São Paulo, as homenagens começam hoje com um show tributo feito por Silvério Pessoa no bar O Canto da Ema (batizado em homenagem à música de Jackson), em Pinheiros.

No repertório, Silvério promete tocar grandes sucessos de Jackson, como "O Canto da Ema", "Sebastiana", "Chiclete com Banana", "Forró na Gafieira", "Forró em Limoeiro", "Cabeça Feita", "Lei da Compensação" e "Baião do Bambolê".

Minha relação com Jackson é quase hereditária, diz Silvério. Eu vim da região da Zona da Mata para o Recife tentar a vida. Cresci dentro de uma economia canavieira e o único contato que tinha com a tecnologia era um rádio que tocava o tempo todo Jackson, Luiz Gonzaga e outros grandes mestres, diz. Silvério conta ainda que começou a carreira com a banda Cascabulho, onde interpretava só canções do Rei do Ritmo.

Mas o show de hoje também terá espaço para composições próprias de Silvério, que já teve discos lançados na Europa e no Japão e em 2006 venceu o prêmio TIM de melhor cantor regional e o Prêmio Sharp de música, em 1999, desta vez como melhor compositor regional.

Homenagem a Jackson do Pandeiro, com Silvério Pessoa. Hoje, às 22h30, no Canto da Ema. (Av. Brigadeiro Faria Lima, 364, Pinheiros). Homem: R$ 20. Mulher: R$ 14. Tel.: (011) 3813-4708. www.cantodaema.com.br .

    Leia tudo sobre: música

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG