RIO DE JANEIRO ¿ O show é instrumental, mas ¿quem cismar de cantar, que cante¿. O recado é de Dominguinhos, que comemora 60 anos de carreira em apresentações hoje e amanhã, no Rio, com participações dos músicos Wagner Tiso, Gilson Peranzzetta, Yamandu Costa e Arthur Maia.

Os shows vão acontecer no teatro da Caixa Cultural, no centro. No repertório, "Eu Só Quero Um Xodó", "De Volta Pro Aconchego", "Isso Aqui Tá Bom Demais", "Gostoso Demais", "Lamento Sertanejo" e "Tenho Sede", sucessos de toda a vida, com parceiros como Anastácia, Nando Cordel e Gilberto Gil.

Mas também temas desconhecidos ¿ choros, baiões e xotes que ele compôs há 30 anos, sendo algumas homenagens, como a Jackson do Pandeiro e aos zabumbeiros Miudinho e Zé Pequeno.

O show faz parte do projeto "Iluminado", de Zé Américo Bastos, o arranjador de discos de Elba Ramalho, principal voz feminina das canções de Dominguinhos. Na ocasião, serão gravados um CD e um DVD. A ideia vem de alguns anos, mas só foi viabilizada depois de fechado o patrocínio da Caixa Econômica Federal, via Lei Rouanet.

O teatro da Caixa Cultural fica na Av. Almirante Barroso, 25. Os shows são às 19h30 e o ingresso custa R$ 20 (meia a R$ 10).

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.