SÃO PAULO ¿ Uma hora depois do horário previsto, às 22 horas, o segundo show da dupla Caetano Veloso e Roberto Carlos, nesta segunda-feira, em São Paulo, teve início ao som de Garota de Ipanema, de Tom Jobim e Vinicius de Moraes. Minutos antes, o crítico Zuza Homem de Mello leu um texto, no qual ressaltou que a dupla que subiria ao palco eram artistas luminares.

Na seqüência, cantaram "Wave" e "Águas de Março", com o neto de Tom, Daniel Jobim, ao piano. O empresário de Roberto, Dodi Sirena, ressalta que os shows da dupla são mesmo históricos, pois há uma chance quase nula de conciliar a agenda de ambos novamente.

Assim como no primeiro dia do show de João Gilberto, ocorrido há cerca de dez dias, o que se pôde notar foi uma marcante presença de famosos - e raríssimos fãs. Rodrigo Santoro, Daniella Cicarelli, Edu Guedes, Jair de Oliveira e Abílio Diniz fizeram a festa dos fotógrafos de revistas e sites de fofocas.

Leia mais sobre: Roberto Carlos , Caetano Veloso

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.