Sete pessoas são feitas reféns por criminosos no Complexo da Maré

RIO DE JANEIRO ¿ Sete pessoas foram feitas reféns por um seis criminosos na tarde desta quarta-feira em uma casa na Vila dos Pinheiros, no complexo da Maré, na zona norte do Rio de Janeiro. De acordo com a Polícia Militar, as vítimas foram libertadas após duas horas e meia de negociação.

Redação |

Segundo a PM, um grupo de criminosos da Vila do João tentou invadir nesta quarta-feira a Vila dos Pinheiros, dando início a um confronto. Soldados do 22º BPM (Maré) faziam patrulhamento na região e iniciaram uma operação.

Durante a incursão, seis traficantes ficaram encurralados, invadiram uma casa e renderam os sete moradores, sendo três crianças, três adolescentes e uma senhora. Uma equipe do Batalhão de Operações Policiais Especiais (Bope) foi ao local auxiliar nas negociações.

Após negociação, as vítimas foram soltas e os criminosos foram presos, entre eles um dos líderes do tráfico de drogas na Vila do João, conhecido como Caixa D´Água. Os policiais também apreenderam cinco fuzis, três pistolas, uma granada, 19 carregadores  de armas, um rádio portátil e farta quantidade de munição. A ocorrência foi registrada na 21ªDP (Bonsucesso).

Linha Amarela

Por causa do tiroteio ocorrido durante a tentativa de invasão da Vila dos Pinheiros, a Linha Amarela ficou fechada durante 14 minutos, entre 13h36 e 13h50. A via expressa ficou fechada nos dois sentidos, na altura das saídas 9A e 9B.

O engarrafamento chegou a atingir 5 km no início da tarde. Alguns motoristas ficaram assustados com a intensa troca de tiros e tentaram fugir na contramão.

Leia também:

Leia mais sobre: violência no Rio

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG