Serviço pelo telefone da CET erra e induz a infrações

SÃO PAULO - Criado na segunda-feira para tentar ajudar a população com o costumeiro problema do trânsito de São Paulo, o telefone 1188 da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) pode trazer mais dores de cabeça do que soluções. A reportagem testou o serviço e, para algumas dúvidas, o atendente não soube responder ou errou a informação.

Agência Estado |

Em uma das respostas, no entanto, o funcionário foi além e criou a própria lei de rodízio, que pode resultar em infração. A reportagem fez oito perguntas sobre o trânsito e legislação - todas as ligações usaram informações verídicas e foram gravadas.

Em quatro ligações feitas anteontem, uma das respostas do atendente resume a funcionalidade do serviço e a realidade das ruas paulistanas. Esse horário é realmente complicado no trânsito. Infelizmente, se você precisa passar por lá, nós não temos no nosso registro alternativas, disse rindo uma funcionária do órgão, depois de ser perguntada sobre o tráfego na Marginal do Tietê.

Outra reposta poderia resultar em infrações. A reportagem quis saber se um Veículo Urbano de Carga (VUC) com final de placa 4 poderia rodar no centro expandido anteontem - segundo a legislação, eles obedecem a um rodízio de placas pares e ímpares das 10 às 16 horas e estão liberados das 21 às 5 horas; nos demais horários, estão proibidos. O atendente, no entanto, criou a própria lei. Hoje é quarta-feira? Um... dois... três... quatro... (contando). Quarta-feira pode. O rodízio de caminhões segue o rodízio de carros, a mesma placa. O senhor não pode rodar de terça-feira, disse.

A instalação do serviço custou R$ 7,6 milhões. Para o advogado Ciro Vidal, presidente da Comissão de Assuntos e Estudos Sobre Direito de Trânsito da OAB-São Paulo, as informações dadas podem ser consideradas oficiais da CET - ou seja, se o motorista receber multa por seguir um dado errado é possível recorrer. É bom sempre anotar o protocolo da ligação ou mesmo gravar, diz. Obviamente vai dar para recorrer, pois você está sendo iludido pelo funcionário da CET. As informações são do jornal "O Estado de S. Paulo".

Leia mais sobre: trânsito  

    Leia tudo sobre: transito

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG